Te espicha nego véio

Hoje o vestiário da Chapecoense foi sacudido por uma reunião de emergência comandada pela diretoria. O presidente Cleimar Spessatto, o diretor financeiro Ivan Tozzo e o colaborador Izair Gambatto comandaram as falas. O diretor de futebol Carlinhos Almeida e toda a comissão técnica e logicamente o grupo de atletas ouviram, quem sabe, a mais dura manifestação desta diretoria nos últimos tempos.

Ivan Tozzo me disse: “Se eles sabem ouvir entenderam a mensagem”.

Izair Gambatto sentenciou: “Chega, atingimos o limite da paciência. Já não sei mais o que dizer para aqueles que colaboram com a Chapecoense”.

Desta forma, com os recados e ordens que foram dadas, não existe mais margem para erro. E quando escrevo que não existe mais margem, quero deixar claro que isso representa a conquista da vaga para a decisão da Copa SC e uma equipe que atue de forma convincente e aguerrida, com a marca do futebol de pegada que sempre fez a diferença nas grandes equipes montadas na Chapecoense.

Guilherme Macuglia segue no comando técnico, mas já é sentido entre alguns diretores cobranças mais pontuais sobre seu trabalho e inevitavelmente sua continuidade se dará apenas com resultados positivos antes mesmo de começar a Série C.

Neste período de crise que se arrasta por 2010 adentro não tinha visto a diretoria com um semblante de tanta irritação e com uma cobrança tão aberta para a imprensa como desta vez. Nitidamente pessoas como Ivan Tozzo e Izair Ganbatto chegaram ao limite de suas paciências e não aceitarão mais indolência por parte de atletas e erros de parte da comissão técnica.

O recado foi dado de forma muito clara. Ou a equipe reage ou a troca pode acontecer já na semana que vem.

Hoje à tarde foram apresentados de forma oficial o atacante Gustavo Papa e o volante Pedro Auyb.

A intenção é tê-los liberados até amanhã. Ayub já deve jogar logo. Papa pediu um período de readequação física.

A diretoria quer que eles joguem já na quarta-feira contra o Criciúma.

Os jogos contra o Criciúma estão confirmados para esta quarta-feira em Chapecó e já no domingo em Criciúma. O Tigre tinha a intenção de alterá-los para quinta-feira e segunda-feira da próxima semana, mas a Chapecoense não concordou.

5 comentarios para “Te espicha nego véio”

  1. PRISCILA disse:

    Ta mais do que na hora de alguém tomar alguma providência….Porque Pelo amor do Cristo……..

    Chegou no limite a paciência com a Chape………. Nos Últimos meses… ….no dia 10 que é quando eu pago o boleto de sócia….. não ta dando coragem…. por favor……

    o problema da Chape é poca voia mesmo…………….. não tem outra explicação……..

    Abraços……………..Priscila

  2. silvio Sz disse:

    Macuglia fraco fraco fraco.
    Onde se viu, lançar o ex jogador Emerson Cris de titular, num jogo decisivo.
    O cara tava ha 6 meses sem jogar.
    Macuglia, tu és fraco de cabeça, nao serve para nós.

  3. Ricardo disse:

    O problema é que esse grupo é igual limão seco: não adianta espremer que nao sai suco.

    Mais fácil que fazer esse time jogar é ordenhar aquela vaca de pedra que tem ali em Treze Tílias.

    Tem que ter renovação mais ampla ou seremos o saco de pancada do grupo, vai ser uma surra atras da outra diante do forte grupo da Série C.

    Abraço

  4. fernando disse:

    Um abraço Ricardo. A da vaca tá muito boa!

  5. Fabricio disse:

    O Criciuma contratou o Gavião ex Gremio, se entrar no blog Caju na rede, é muito engraçado os comentarios que os cara de la fazem em relação ao time do Criciuma, o pessoal de la, devem conhecer os jogadores que o Criciuma contratou; To loco pra ver este time do Criciuma jogar pra ter um certo parametro pra serie C:
    Apesar do nosso time tar uma baba nao vejo nenhum time muito mas superior que o nosso individualmente; Hoje é um teste de fogo pra ver, se as cobranças em relaçao ao grupo deram resultado, se nao ,faço minhas as palavras do Ricardo

Deixe um comentario