Azedou a maionese

 

A Chapecoense até a tarde deste domingo era 100% em casa. Era. O empate em 1×1 contra o Caxias deixa a Chapecoense dependendo de uma combinação de resultados para seguir em frente na Série C. No jogo Caxias x Brasil torcemos por empate. Complicado.

A Chapecoense jogou pouco na tarde deste domingo e se enredou em seus problemas de articulação de tal forma que em muitos momentos sofreu sufoco em campo. Na verdade se era para termos um vencedor este seria o Caxias.

O meio de campo da Chapecoense não produziu nada. O ataque esteve muito apagado. Na defesa houve eficiência, mas houve um erro fatal.

Fiquei com a imagem de uma equipe cansada e apática dentro de campo contra um Caxias que soube controlar o jogo com mais eficácia.

Guilherme Macuglia tentou deixar a equipe mais ofensiva, mas as três substituições não renderam o esperado.

Outro dado a ser destacado foi mais uma vez o trabalho de baixíssima qualidade da arbitragem. Guilherme Cereta de Lima, paulista, chegou com o status de aspirante a FIFA e deixou o gramado com um trabalho que se fosse analisado como deveria ser o levaria para uma geladeira.

Deixou de marcar um pênalti no último minuto de jogo e amarrou o jogo em demasia o que acabou beneficiando o Caxias. 

Reclamar do trabalho da arbitragem faz parte do contexto, mas é preciso ressaltar que a Chapecoense perdeu o jogo para ela mesma e por ter apresentado um futebol sem vibração.

2 comentarios para “Azedou a maionese”

  1. Silvio SZ disse:

    Agora nao adianta ficar mais chorando, nao foi essa partida que nos tirou da etapa seguinte.
    Eu queria ver sempre a Chape jogando fora da Arena, assim como jogou o Caxias ontem.aqui. Corajoso, insinuante, sem medo , sem covardia.
    Eu posso falAR sobre as atuaçoes da Chape em jogos realizados fora, porque sempre acompanhei o time. Sempre, mas sempre foi um time covarde, com medo de vencer. Aí está agora, faltou 2 pontos.
    Outra coisa, faltou um presidente, um diretor para arrotar alto sobre arbitragens.
    Quando o juventude fez um estardalhaço a nivel nacional sobre o prejuízo que teve no classico, era sabido que haveria compensacáo no jogo seguinte, que infelizmente foi contra o Verdao.
    Aí eu pergunto, nós torcedores comuns que estamos fora dos bastidores, mas tinha certeza que se a Chape queria sobreviver, teria tambem que reagir, impor se fortalecer junto a FCF, perdir auxilho, e aí nada aconteceu.
    Cade o presidente do clube, o diretor? Omissos e ingenuos.

    Agora fim de papo.
    Ah, eu acrfedito em milagres. Caxias e Brasil ficam no 0×0.

  2. marcos moura disse:

    parabens verdao tentaram mas os juizes complicaram deram melhor de si mas paciencia se Deus quiser vamos
    classificar com empate la abraços verdao sempreee

Deixe um comentario