Olhos voltados para o amanhã

A Chapecoense está assim, olhando o futuro promissor que se apresenta. Quem poderia imaginar que após o desastre que foi o inicio desta temporada teríamos agora a possibilidade de decidir um acesso a Série B nacional. Mas esta é a realidade.

Ontem à tarde a Chapecoense desistiu da inter-temporada em Itá e em qualquer outro local devido à impossibilidade de encontrar um hotel que pudesse abrigar a delegação pelo período de uma semana. Simplesmente não existem vagas no final de semana. Dos males o menor.

O negócio é treinar forte e sério, independente do local.

Será até bom para o elenco que ele se “contamine” pelo clima que está tomando conta da cidade. A presença dos torcedores nos treinos deverá colaborar para este esquenta.

Com a longa parada que se apresenta teremos certamente uma série de altas no Departamento Médico e com isso um acréscimo substancial para Guilherme Macuglia em opções qualificadas. Fala-se muito em novas contratações, mas eu sinceramente não acredito que seja necessário, a não ser no caso de alguém fora de série, o que é muito difícil.

Até sexta-feira a Chapecoense tem tempo para contratar, mas é nítido entre os diretores que Guilherme Macuglia terá de retirar do grupo disponível as suas soluções.

No ataque Neilson e Gustavo Papa devem estar disponíveis. De resto a Chapecoense tem opções interessantes. Se este grupo conseguiu chegar até aqui certamente terá condições de passar pelo acesso.

O que a Chapecoense necessita é jogar mais e melhor, coisa que não fez nos últimos jogos.

Deixe um comentario