O líder na festa do coelho

O Joinville Esporte Clube comemora 35 anos de fundação neste sábado em que recebe a Chapecoense, líder da competição, na bonita Arena Joinville. Teremos muita festa hoje na Manchester catarinense. Certamente será um fator motivador para o JEC, mas nada que impossibilite a Chapecoense de colocar água no chopp do coelho.

Vai ser jogo duro, como sempre foi jogar em Joinville.

A Chapecoense mostrou bom rendimento no excelente gramado da Ressacada. Do gramado da Arena Condá reclamam da altura da grama que prejudica o passe. Em Imbituba ele esteve muito pesado.

No gramado bom da Arena Joinville não haverá desculpas para os inúmeros passes errados que observamos no jogo contra o Metropolitano.

Com o Joinville tendo a necessidade extrema da vitória ele obrigatoriamente terá de sair para o jogo. É justamente este o ambiente propício para as investidas do veloz ataque da Chapecoense.

A equipe comandada por Mauro Ovelha tem se mostrado madura e é justamente esta maturidade que pode fazer a diferença.

Jogo difícil sem dúvida, mas a carga de responsabilidade está nas costas do Joinville, seja pelo dia de festa ou pela posição intermediária na tabela. A Chapecoense deve explorar esta pressão.

Deixe um comentario