Os mistos e seus amores divididos

Torcedor misto é aquele que torce para duas ou mais equipes. Normalmente distribuídas em vários Estados, mesmo porque torcer para duas equipes antagônicas na mesma Unidade da Federação seria um caso clássico para a psicologia. Eu particularmente conheço um caso com esta patologia clinica.

Em Chapecó cresce a cobrança sobre este torcedor. Por aqui a imensa maioria torce pela Chapecoense e alia sua paixão para o Inter ou o Grêmio. Outras equipes também dividem esta paixão. De alguns anos para cá surgiu uma casta de torcedores que é exclusivo da Chapecoense. Esta é uma novidade que deve ser comemorada e um grupo que merece ser cuidado com muita atenção. A maior parte deste grupo, cada vez mais numeroso, é formada por jovens que jamais nutriram uma paixão por outro clube, mesmo tendo em suas casas um forte apelo motivado por integrantes mais velhos de sua família.

Mérito para as diretorias mais recentes que conseguiram levar a Chapecoense para um nível destacado e que desta forma criaram a identidade necessária com o torcedor.

Mas existe neste momento um ambiente de cobranças e restrição aos chamados mistos. Eu me incluo nesta numerosa fatia. A Chapecoense é jovem ainda, tem menos de quatro décadas de existência. Eu particularmente sou mais velho que o Verdão. Assim como este colunista, muitos têm raízes em outros Estados e inevitavelmente aprendemos a gostar de futebol torcendo por outras equipes que não a Chapecoense. Quando aqui chegamos e escolhemos esta terra para viver e ganhar a vida, a paixão pela Chapecoense (para quem gosta de futebol) é como se fosse uma transfusão. Entra na veia na hora!

Leio e escuto muitas cobranças por parte dos torcedores natos da Chapecoense para que esta divisão de amores não mais aconteça. Eles estão na sua razão, já que desejam o fortalecimento da Chapecoense. Mas convenhamos, é duro arrancar do coração uma paixão que está lá alojada há tantos anos. O ideal é uma convivência harmônica e respeitosa, já que, no final, todos amam este verde e branco.

O que deve de uma vez por todas ser evitado é o transito de camisetas de outras equipes na Arena. Outra forma de harmonizar esta convivência seria uma ação concreta dos consulados do Grêmio e do Inter, para que todos os seus associados também contribuíssem mensalmente para a Chapecoense. Muitos já fazem isso, mas cabe uma ação mais efetiva neste sentido. O amor dividido dos mistos ainda tem espaço. Ele ficará complicado quando a Chapecoense estiver na primeira divisão nacional, mas até lá cabe um entendimento entre as partes.

Os meninos e meninas, e os mais velhos, que defendem a exclusividade estão cobertos de razão, mas é preciso compreender aqueles que nasceram antes da própria Chapecoense e que vieram, como eu, de outras plagas para aqui viver e colaborar no crescimento de Chapecó. Um bom tema para um debate e muita reflexão.

 

Alô consulado!

Com base no texto principal da coluna deixo aqui a sugestão aos meus amigos e amigas do Internacional, que realizam um trabalho brilhante nas ações coloradas, para que deflagrem uma campanha para que o sócio colorado seja também um sócio da Chapecoense. Muitos já o são.

Mas para aquele que ainda resiste, ou ainda não teve a oportunidade de se associar, fica a sugestão para que a adesão aconteça o mais rápido possível. Peço também, se possível, que nos informem, quantos sócios colorados em Chapecó também já são sócios da Chapecoense.

Se dobrar os mais experientes é difícil, que a partir de ações como estas se consiga colocar no coração dos mais jovens a Chapecoense em primeiro e quem sabe absoluto lugar.

Aguardo uma manifestação da Tirza, do Dr. Mauricio e do Denardin.

 

Alô Associação dos Gremistas!

 

Recentemente a Associação dos Gremistas de Chapecó trocou de diretoria e está cheia de projetos novos.

Sugiro aos gremistas que se associem em grande numero a Chapecoense. Muitos já têm a dupla cidadania.

Nada de pressão, nada de empurrar goela abaixo. Tudo livre e leve como deve ser, mas que esta ação aconteça verdadeiramente e não fique apenas na palavra sem ação.

Não sou contra mandar dinheiro para o time em Porto Alegre, cada um sabe o que faz com seus pilas, mas sou contra a deixar de colaborar com a equipe da cidade.

Fica a sugestão e aguardo uma manifestação, por exemplo, do meu amigo Assis do Industrial, que poderá prestar valiosa colaboração neste sentido. O Assis, acredito, já tem os dois passaportes.

Quantos sócios gremistas já são sócios da Chapecoense?

 

 

 

22 comentarios para “Os mistos e seus amores divididos”

  1. Esse vai render. É bom te preparar ae Doesse… ehehe….

    Mas eu sou da seguinte opinião. Graças a Deus sou uma pessoa que sei respeitar as diferenças, não me prejudicando, cada um pode fazer o que bem entender da sua vida. Mas veja bem, não me prejudicando!

    Ir com camisas de outros clubes em jogos do Verdão você está me prejudicando, pois defendo com unhas e dentes minha torcida e minhas cores. Somos motivos de chacotas e até mesmo de discriminação no litoral por darmos mais valor para o que vem de fora.

    Faço parte de um grupo que sempre defende, afirmando que nossa torcida apoia sim o que é nosso. Dai vem a TV e filma um cidadão com outra camisa bem no meio da nossa torcida. Fica feio para ele, e para mim.

    Fora outros fatores também que se for dito aqui, daria um comentário de várias páginas.

    EU TENHO IDENTIDADE E TENHO ORGULHO DE SER OESTINO!

    Quando estou em outros lugares (até mesmo outros estados) todos sabem de onde sou, pois visto a camisa do MEU time. É uma satisfação quando vou em, por exemplo, um restaurante no Paraná, e uma pessoa me para pedindo como vai nosso oeste, pois ela é daqui. Ou seja, ela identificou pela camisa. ISSO PRA MIM É MOTIVO DE ORGULHO!

  2. Augusto disse:

    Concordo com o que o Marcelo escreveu, sem tirar uma virgula.

  3. E Doesse, sugiro a imprensa ficar atenta sobre o caso dos sócios. Acho que vai ter muita água ainda para rolar quanto a isso. Há muita reclamação por conta dos rumos que a coisa está tomando.

  4. fernando disse:

    Me passa mais detalhes por gentileza

  5. Olha só, primeiro é aquela confusão de não atender sócios em dia de jogos. Já está havendo bastante críticas quanto a isso. Também acho um desrespeito ao sócio e também deixam de aproveitar uma grande oportunidade de aumentar o quadro social. Além de que, hoje, quem compra ingresso entra mais facilmente no estádio do que quem é sócio.

    Mas está rolando uns boatos nos Orkuts e corredores da vida que estão querendo elitizar a Chapecoense, um processo parecido pelo qual passa o Avaí.

    São boatos, mas que merecem no mínimo atenção.

  6. fernando disse:

    Vou verificar. Obrigado.

  7. PRISCILA disse:

    Concordo com o que o Fernando escreveu e concordo também com o que o Marcelo escreveu….
    Tenho 23 anos, quando nasci sim.. a Chapecoense já existia, mas não era tão forte quanto é hoje… Meu pai é colorado, sócio do Inter e sócio da Chapecoense… vai à todos os jogos da Chape, e quando tem jogos importantes do Inter que ele pode ir, ele vai…. eu Sou Gremista e SÓCIA da Chape também… e quando comecei a entender o que era futebol meu pai não me levava em estádios ainda… e a Chapecoense não passava em televisão nenhuma, então não tinha outra coisa pra assistir além de Grêmio… Agora que posso ir ao estádio… sou LOUCA PELO MEU VERDÃo e vou sempre de camisa da CHape… mas não deixo de amar meu Grêmio da mesma maneira….
    Acredito que existam outras questões de maior importância a ser discutida do que essa questão de colorados e gremistas, cada um sabe que deveria ir com a camisa do Verdão, mas de tanto que tem gente que pega no pé, eles vão de propósito para chamar a atenção.

    Vamos nos concentrar em tornar a CHape Campeã de 2011. Depois pensamos nestas pequenas coisinhas.

    abraços…

  8. GuGa disse:

    o que é ridículo mesmo é ver(ontem axo que foi) uma propaganda na tv para se associar ao Inter.. isso mesmo.. PROPAGANDA NA TV AQUI EM CHAPECÓ PEDINDO PRO POVO SE ASSOCIAR AO INTER…

  9. fernando disse:

    Sem querer defender ninguém, mas tal campanha se trata de matéria paga e que certamente foi acertada via Porto Alegre.
    O grande erro é veicular neste momente em que a Chapecoense é lider. Faltou sensibilidade, no minimo.

  10. Na verdade Fernando, acho que foi justamente pelo fato da Chape ser líder que o comercial foi vinculado. Os times portoalegrenses sentem que podem perder muitos “clientes” aqui na região.

  11. fernando disse:

    Não é uma campanha localizada. Trata-se de uma campanha deflagrada em todos Sul do Brasil e em Estados em que notadamente existe a colonização gaúcha. Mas a concorrência está aí mesmo.

  12. Silvio SZ disse:

    Parabens Fernando, é só vc mesmo para postar com inteligencia e dar a cara para bater, encarando os consulados dos clubes do RS aqui em nossa cidade.
    Vc na imprensa de Chapecó é o cara diferenciado.
    E o Marcelo tambem disse tudo.
    VERDAO 100%

  13. Marquinhos disse:

    Cara diferenciado? o fernando faz parte do consulado do inter, sou colarado e sempre é ele que esta apresentado os eventos do inter.
    ve se coloca o meu recado, não exclua.

  14. fernando disse:

    Engraçado, você me esculhamba para dizer que é colorado e porque eu apresento os eventos do teu time?
    Nao faço parte do consulado do inter. Quando sou convidado atendo aos convites dos meus amigos.
    Se sofro de alguma doença ela é a mesma que sobre o Marquinhos.
    Fiz questão de não apagar a besteira que tu escreveu.

  15. Roberto disse:

    Só um comentário: ingresso a R$ 30,00 = ELITIZAÇÃO DO FUTEBOL
    Não se obriga ninguém a ser sócio… eu sou sócio do verdão por opção e porque quero ajudar além de não perder um jogo.
    Futebol sempre foi (ou era) pro povão… deem uma olhada no público que frequenta o estádio nos dias de hoje, e comparem com o público de alguns anos atrás… o perfil é totalmente diferente. No passado faltavam ônibus pra levar torcedores ao estádio, hj não, o público é outro… daqui a pouco não vão deixar ninguém mal vestido entrar no estádio…
    Dai a imprensa debate sobre o porque que não passa de 5000 torcedores nos jogos? Com o ingresso a esse preço não vai encher o estádio nunca, na final e olhe lá…
    Como vamos derrubar de vez a febre grenal se não damos nenhum incentivo para torcedores menos favorecidos financeiramente? Como irão surgir novos torcedores se os pais não levam seus filhos ao estádio porque o ingresso é muito caro?
    Um desafio para a imprensa: Lançem esse tema para um debate, algúem se habilita? Alguém é capaz de pensar sob uma ótica diferente da classe média-alta? Alguém é capaz de debater um assunto que vai contra os interesses de quem está investindo na Chapecoense com segundas intenções? Alguém é capaz de questionar as decisões do TODO PODEROSO dono de metade da cidade e que manda no verdão? Com a palavra…

  16. Julio disse:

    Gente, todo o que o Fernando escreveu e voces comentaram é aquilo que a Rádio Super Condá Faz.eles sabem perfeitamente diferenciar Chapecoense e Dupla Grenal, elas estão certos e não se importam com um ou dois comentários que devem ir para o Rio Grande. A Super Condá transmite Chapecoense com atenção total e quando tem gremio e Inter que não estão no mesmo horário da Chape eles transmitemesempre vão ter audiencia. Isto significa respeitar os sentimentos de um povo como o Oeste catarinense que torce pro verdão e torce para Dupla e não adiante querer mudar esta cultura. Fernando, tú mataste a pau, nós sempre vamos ser chapecoenses e vamos saber tyrcer também por Gremio e Inter.
    abraçoe leio sempre teu comentarios
    Julio, Xaxin

  17. Luis disse:

    Olha, não tenho nada contra os que torcem pra outro clube, oque me deixa muito triste é ver gente com camisas de outros clubes no estadio, e esses mesmo são os primeiros a vaiar o time até mesmo ganhando o jogo e no primeiro tempo ainda, outra coisa é que muiiitos são sócios de gremio e inter e reclamam muito de pagar R$ 20 reais pra Chapecoense, conheço pessoas que jamais assitiram um jogo no estadio de gremio e inter e que acho que jamais vão assiti, mais pagam seu dizimo como se fosse o maior torcedor do mundo.

    E como o Marcelo falou ai em cima, como me da orgulho em viajar muitas vezes pra longe, como já aconteçeu comigo, estava em Salvador no ano passado em um restaurante com a camisa do Verdão, e chegou um casal e me pediu se nosso time iria subir pra série, um casal qu morrou em Chapecó por pouco tempo, mas que conheçeu o Manto sagrado, confesso o orgulho que senti é inexplicavel.

    Então vamos nos nova geração da torcida do Verdão temos o dever de incentivar e fazer nossos filhos e crianças a torcerem pro nosso Verdadeiro Time!!!!! Com o tempo e com bons times vamos mudar essa história.

  18. Everton Verdão disse:

    Falando em misto, agora um COLORADO vai cuidar das categorias de base do Verdão. É o fim mesmo.

  19. alex disse:

    Seja a ser engraçado ler alguns comentários aqui. Gente ai falando que é só Chapecoense.

  20. André Dávi disse:

    O problema não é ser misto, mas o que mais intriga a torcida alvi-verde em dias de jogos, é quando esses vão com camisetas de outros clubes, pois quem torce apenas para a Chapecoense faz um esforço gigante defendendo a cidade, porque somos motivos de xacota no estado devido ao grande número de camisas de outros clubes no estádio. Somos definidos como clube sem identidade.
    Então, quem torce pra outro clube, use a camisa do mesmo 6 dias por semana, MENOS NO ESTÁDIO EM DIAS DE JOGOS DA CHAPECOENSE!!!!!! Respeite sua cidade, o time de sua cidade,e os torcedores do verdão, para dai sim você também ser respeitado.

  21. Jackson disse:

    ridículo mesmo é ver uma propaganda na tv para se associar ao Inter.. isso mesmo.. PROPAGANDA NA TV AQUI EM CHAPECÓ PEDINDO PRO POVO SE ASSOCIAR AO INTER… [2]

    Como vamos derrubar de vez a febre grenal se não damos nenhum incentivo para torcedores menos favorecidos financeiramente? Como irão surgir novos torcedores se os pais não levam seus filhos ao estádio porque o ingresso é muito caro? [2]

    e outra… BAR DO BOCA ABERTO transmitindo o jogo da chape em dias de jogos da chape em casa? sem cabimento!

  22. Jackson disse:

    Bonito foi o CTG Quero-quero LOTADO de gremistas na SEXTA.
    A Assoc. dos GREMISTAS está dando um verdadeiro show nos colorados.

Deixe um comentario