Falecimentos

Comunico com pesar os falecimentos precoces de Chapecoense e Brasiliense na Série C do Campeonato Brasileiro de 2011.

Com duas rodadas de antecedência, ambos foram atropelados por dois bólidos com placas de Ipatinga/MG e Joinville/SC, na estrada do futebol brasileiro.

Este atropelamento deu-se por desatenção das vitimas, jamais por imprudência dos algozes.

Em uma estrada cheia de curvas, buracos, chuva e piso escorregadio, dormir ao volante é fatal.

Chapecoense e Brasiliense protagonizaram um vexame nesta segunda fase da Série C.

Tudo bem, o Campeonato Catarinense foi conquistado, na primeira fase do nacional, chegou à frente, mas quando valia tivemos de amargar decepções no Oeste Catarinense e no Planalto Central.

As vagas estão em muito boas mãos.

O Joinville provou sua maturidade ao sapecar uma sonora goleada de 4×1 sobre o Brasiliense,em plena Bocado Jacaré, simplesmente não tomando conhecimento de quem esteve do outro lado do gramado. Oito anos depois o Joinville volta a segunda divisão nacional, pelas mãos do técnico Arturzinho, que mostrou personalidade para encarar um vestiário que estava conturbado, soube domar a ansiedade dos dirigentes, que também souberam ler com exatidão a mensagem do comandante.

A fama de cavalo paraguaio foi banida em grande estilo.

No jogo de domingo contra a Chapecoense, que terá de jogar já eliminada, eles estão prometendo uma grande festa. Imagine o que será a Arena!

Resta a Chapecoense jogar com dignidade. Reclamar de uma arbitragem não adianta mais. Chorar as oportunidades perdidas é desnecessário. É preciso refletir sobre os erros cometidos, que foram muitos na segunda fase, e jogar com o respeito que a camiseta da Chapecoense merece. Perder o jogo é quase uma certeza, mas que a derrota aconteça dentro de um padrão de profissionalismo e respeito à história da instituição.

É vergonhoso sim ser desclassificado com duas rodadas de antecedência em uma estrutura de apenas seis jogos. Esta situação coloca a verdade em seu devido e merecido lugar. Ipatinga e Joinville estão prontos para a Série B. Chapecoense e Brasiliense precisam ainda crescer e amadurecer.

Parabéns Joinville! O time do coração da maior cidade de SC está no lugar que merece.

 

 

6 comentarios para “Falecimentos”

  1. cesar luis de andrade disse:

    obrigado estamos na serie b da le jec

  2. cesar luis de andrade disse:

    obrigado estamos na serie b da le jec

  3. vanderlei disse:

    com o investimento e jogadores era obrigaçao do jec , ja nos com pouco investimentos nem o time do catarinense conseguimos segurar , ficamos com um time bem mais fraco pro brasileiro da c , subir como dai. com as contrataçoes do tal de neguinha e outros , time pra serie c tem que ser mais forte que o do catarinense, segunda fase nao temos time pra subir de novo , ficamos no meio do caminho

  4. cesar luis de andrade disse:

    vocer tem que aprender a respeitar os outros clubes e incentivar a chapecoense quando o jogador do clube nao respeita nem os torcedores da chapecoense mostrando o dedo do meio a coisa ta feio o clube tem que ixigir o respeito dos jogadores para a torcida da chaPECOENSE abraço boa sorte ano que vem

  5. Davi disse:

    vamo verdao tem que mudar comesando pea imprensa ………………………

  6. Jerri disse:

    É isso ae! Vamos retomar a luta, se reestruturar para não entrar com um time fraco no ano q vem.

Deixe um comentario