Um verdadeiro show

Impressionante a festa promovida por Criciúma para a abertura dos Jogos Abertos. Um evento sem comparação no esporte catarinense. Todos os detalhes foram cuidadosamente trabalhados para realizar uma apresentação de alto nível. O show de fogos foi digno de Copacabana no final de ano, tudo sincronizado com o sistema de som. O mestre de cerimônias foi Celso Freitas, criciumense famoso pelos anos de Globo e agora na Record. Um craque. Depois um show como sambista Jorge Aragão. Vai ser difícil superar Criciúma neste quesito. Foram aplicados R$ 300 mil neste evento, mas valeu à pena. O homenageado da noite foi o Guga, maior nome do esporte catarinense. Merece, pois nasceu nos JASC.

Criciúma também está mexendo na funcionalidade das disputas, reunindo em locais amplos, várias modalidades.

Esta modificação facilita a cobertura jornalística e possibilita ao público acompanhar uma variedade maior de modalidades que, quem sabe, jamais tenha visto.

Quanto aos órgãos de imprensa, houve um aumento em relação a edições passadas, pois neste quesito os JASC estavam afundando.

Criciúma está fazendo o papel que Chapecó fez com maestria em 2005, está oxigenando, recuperando o evento.

OS JASC estão apenas no começo, mas já deixa claro que Criciúma encarou com seriedade o evento e quer sim marcar época.

 

Foto: Fesporte.

Deixe um comentario