Ataque de nervos

A Chapecoense perdeu para a inoperância de um ataque que não da mais para suportar tamanha falta de produtividade ou mesmo o balaio de oportunidades perdidas.
A Chapecoense teve tudo e mais um pouco para vencer o Ibirama. Jogou grande parte do jogo com um homem a mais, posse de bola em proporções gigantescas, mas não soube aproveitar uma oportunidade de ouro.
Bom lembrar que o Ibirama tinha cinco desfalques para o jogo.
Com este ataque não da mais! Ou contrata de uma vez ou vamos afundar na competição.
Nos últimos nove pontos a Chapecoense conquistou apenas dois. Algo está errado? É claro que sim!
Chega de passar a mão na cabeça de alguns jogadores.
Este expediente de proteger em demasia alguns nomes para preservar a união do grupo está fazendo mal.
Cobranças urgentes são necessárias para colocar as coisas em seu devido lugar.
Agora vou escrever sobre a arbitragem. O que fez na noite de ontem o senhor Rodrigo Dalonso Ferreira é digno de produção de um DVD para ser distribuído pelo mundo para que se mostre como não se deve arbitrar um jogo de futebol.
Geladeira nele! É o mínimo que ele merece.
Validou gol de mão. Errou em todos os fundamentos. Amarrou o jogo. Destruiu um jogo que tinha tudo para ser muito bom.
O segundo gol da Chapecoense quem validou foi o seu auxiliar, já que por ele a vitória seria do Ibirama.
Há muito tempo não narrava um jogo tão maluco como este.
Gilberto Pereira analisou que faltou pegada e poder de definição para o time. Falou a verdade. Então trate de tomar as providências necessárias.
É preciso contratar com urgência.

 

Foto – Daniel Cavagnolli/ACF.

3 comentarios para “Ataque de nervos”

  1. vanderlei disse:

    sem atacantes não tem coração que aquente ,meu deus sera que a chape só tem uma jogada que pegar a bola e cruzar e contar com a sorte porque nós não temos atacantes,a chape só depende dos zaqueiros para fazer o gol ,se a zaga não fazer os gols nós perdemos o jogo

  2. Filipe de Conto disse:

    Fernando, discordo um pouco de voces, para mim os grandes culpados pelo empate foram os laterais e o nosso meio de campo, o na minha visao o ataque tentava se virar com os chuverinhos..
    com 1 a mais desde metade do 1 tempo, o que o Nenem fez em campo? só toquinho pro lado, nao fez 1 jogada, nao partiu pra cima 1 vez se quer, e isso que tinha espaco no campo…
    e os nosso laterais? o Gustavo passava do meio campo e mandava chuverinho, nao foi 1 vez pra linha de fundo…

    Concordo que o ataque esta devendo, mas joga a culpa só neles nao da..
    enquanto ficar dependendo do nenem como camisa 10, e desses laterais, vamo continuar sofrendo…
    e dos ultimos 9 pontos, os perdidos foram em Chapeco, perde pro JEC la nao é nada fora do normal..
    entregamos o campeonato pros manés… uma pena

  3. fernando disse:

    Sua visão tambérm está correta. Mas foi impressionante o numero de oportunidades perdidas pelos atacantes no jogo de quarta-feira. Um abraço.

Deixe um comentario