Não empolgou

A Chapecoense realmente não animou o torcedor neste Campeonato Catarinense.

Desde o inicio da competição houve o registro de públicos apenas regulares, muito aquém daquilo que era esperado.

O aumento no número de sócios se deu graças a ações especificas do marketing que através do “Sócio Empresa” alavancou este incremento.

A confirmação veio no último domingo com a presença decepcionante de menos de oito mil torcedores e uma renda de jogo comum, quando tivemos um evento que valeu vaga para uma decisão e uma Copa do Brasil.

Como explicar este comportamento do torcedor?

O nível de exigência aumentou nos últimos anos com o acesso aos mais variados jogos e campeonatos. O torcedor quer ver time jogando com qualidade.

Chapecó é formada por torcedores de inúmeros clubes que rivalizam sim com a Chapecoense. Acreditar que um Gre-Nal em mesmo dia e horário não tira público da Arena Condá é muita ingenuidade.

Bom lembrar que o clássico gaúcho passou na TV aberta e o sinal que era para ser do pacote pago esteve liberado para assinantes de TV a cabo sem a necessidade de nenhum pagamento extra.

Certamente a detentora do contrato não abriu sinal a revelia, no mínimo tem a proteção de um contrato.

E finalmente a equipe, que em momento algum empolgou o torcedor. O carinho pela associação estava lá, mas não com a força de uma paixão desenfreada.

Várias vezes tentaram mobilizar a cidade em torno do time e a resposta foi pequena. Para um jogo de semifinal a venda de ingressos antecipadas não alcançou três mil bilhetes, ou seja, não deu liga!

O Campeonato Catarinense sempre foi o grande atrativo para os torcedores. Vem aí o Campeonato Brasileiro da Série C e sabidamente a resposta tem sido menor do que no regional. Mudará esta realidade?

Será preciso montar um elenco de maior qualidade e que obtenha resultados positivos em série para tirar de casa o torcedor. O desafio está posto, menos mal que a ajuda de custo para encarar a Série C é muito interessante, sendo ela economicamente mais viável hoje do que o próprio Campeonato Catarinense.

9 comentarios para “Não empolgou”

  1. Ricardo disse:

    Verdade, como coloquei em outro post, a torcida esteve muito fraquinha esse ano, presença de publico sempre decepcionante.

    E pra série C, média de 3.500 por jogo e olhe lá.

    Sobre a influência dos times do RS isso sempre existiu, e enquanto a Chap. estiver na Série C vai ser assim.

    Avaí e Figueira passaram pelo mesmo processo, e hoje não são mais o “segundo time”. Por aqui permanece a sina.

  2. Mateus disse:

    E o time pra Série C. Tem novidades Fernando?

    Eu sei que é cedo, mas estou curioso pra ver qual será o elenco!

    Abraços

  3. fernando disse:

    Nada de novidades ainda, mas a troca tem a tendência de ser bem significativa, esta saber quanto a diretoria quer investir. A semana começa amanhã.

  4. André Dávi disse:

    Série C é muitooo mais importante que o catarinense!!

    e vamos subir!

  5. vanderlei disse:

    pra subir na serie c tem que a diretoria investir num time pra subir. nao fazer como nos outros anos, fazer um time pior que o catarinense , ai nao sobe mesmo , fica no quase como nos ultimos 2 anos , vamos esperar pra ver , nao acredito muito em time forte , vao fazer um meia boca com a desculpa de sempre de nao ter dinheiro e esperar pra ver , eo no catarinense é isso fomos longe de mais , time sem ataque e dependendo dos laterais ea zaga pra fazer gol eo goleiro falhando ate foram longe ,,,,,,,,,,, ta bom terceiro lugar ,,,,,,,,,,

  6. everton disse:

    R$ 30 conto pra assisti, Chape e Ibirama é uma fortuna, e espanta quem não é sócio. Futebol foi feito pra tdos, principalmente povão. R$ 20 pila é muito dinheiro, pra assisti certos jogos.

  7. jhe disse:

    VERDADE, FOI UMA FINCADA O PUBLICO NESTE CAMPEONATO..VAMOS ESPERAR QUE NA SERIE C NÃO TOMAMOS UMA FINCADA E SUBIMOS..

  8. thiagao disse:

    esse é um erro de foco que sempre falam… não é o time que tem que empolgar a torcida.. é o contrario.. sem torcida, sem time… é isso, futebol é muito mais que só resultados. Enquanto pensarmos assim, seremos pequenos no cenário nacional. Existem times na Serie A que estão a 10 anos sem titulo e continua levando gente para o estádio. Existem times na Europa que nunca ganharam um titulo e levam 50 mil torcedores por jogo com teve aberta e o escambau. Eu penso que o time foi o reflexo da torcida…
    abraço

  9. Vilson disse:

    Que ações de marketing.
    Uma porcaria de departamento que ganho um monte e fazem de conta que criam algo.
    Mandem todos embora e feche essa porcaria de marketing que não funciona.

Deixe um comentario