Arquivo para fevereiro, 2013

Querendo

domingo, fevereiro 17th, 2013

Cambiriú 0 x 3 Chapecoense.

A Chapecoense sobrou pra cima do Camboriú e construiu uma vitória incontestável sobre um adversário que não mereceu nada mais que não fosse perder. A superioridade da Chapecoense no jogo foi constatada desde o inicio, com um repertório de jogadas muito maior e mais qualificadas do que o time da casa.

O grupo da Chapecoense está querendo conquistar o turno e sem querer antecipar algo, tirar esta conquista seria uma injustiça. Ganhou com autoridade. É a melhor equipe da competição.

Emanuell

O papai Athos fechou a conta aos 48 minutos da segunda etapa com um gol maravilhoso, por cobertura, uma verdadeira pintura para saborear o momento mais importante de nossas vidas que é o nascimento de um filho. Athos queria muito o gol e o fez de forma espetacular. Merece. Athos vive seu grande momento de qualidade na carreira. Está feliz e demonstra isso com atuações muito acima da média. Apesar da reserva, Athos faz a diferença. Emanuell está batizado no mundo da bola.

Base

Mais uma vez a base implementada na pré-temporada está fazendo a diferença. Em todos os setores o trabalho foi bem executado. A preparação física, a parte psicológica, o senso de grupo, tudo está sendo somando com naturalidade e os resultados estão acontecendo naturalmente, sem forçar. Gilmar Dal Pozzo demonstra maturidade. Uma campanha de sete jogos, seis vitórias e apenas uma derrota diz tudo.

Positivo

A forma profissional e coerente como a Chapecoense está tocando seu futebol merece destaque e elogios. Apesar das dificuldades financeiras, inerente a atividade, o grupo está realmente focado naquilo que todos querem que é a Chapecoense na ponta. É preciso reconhecer a abraçar a causa.

Negativo

Jefferson Schmidt, árbitro do jogo, mais uma vez demostrou falhas técnicas e disciplinares. Marcou pênalti e teve de voltar atrás. Teve ao menos humildade. De resto, desagradou muito o presidente da federação, Dr. Delfin, que esteve em Camboriú. A nota fraca do jogo.

Cambura x Chapecoense, e o time?

sexta-feira, fevereiro 15th, 2013

Nivaldo, Galiardo, André Paulino e Dão, Fabinho Gaúcho, Wanderson, Paulinho Dias e Rafael Lima, Neném, Fabinho Alves e Rodrigo Gral. Esta é um a aposta de escalação do meu colega Giba Pace Thomaz da Rádio Chapecó AM 1330. Gilmar Dal Pozzo que reforçar a bola aérea e ganhar em poder de marcação. A grande curiosidade será ver Galiardo desde o inicio e como deverá se comportar. Os demais colegas acreditam na entrada de Athos como titular. Ele entrando, sai Dão da zaga. Melhor assim.

Mantida

A data de 10 de março para a inauguração do novo gramado da Arena está mantida pela administração municipal de Chapecó. Uma reunião entre poder público e diretoria da Chapecoense determinou que o cronograma segue dentro das previsões. Grande parte das melhorias serão realizadas também fora de campo, mas elas estarão consolidas apenas no dia 10 de maio. Com tudo pronto a Arena ficará muito boa. Palavra do vice-prefeito Luciano Buligon no Debate Esportivo da Rádio Chapecó.

Cambura

O time de Camboriú está motivado para o jogo contra o líder. Não poderia ser diferente. Vive um novo momento após a troca de comando técnico. Precisa na realidade escapar do rebaixamento. O Camboriú tem na avaliação de Gilmar Dal Pozzo uma equipe forte na bola aérea e por isso quer reforçar a altura do elenco. Dal Pozzo está ligado em 380 volts para este jogo. No treino ele foi um show!

Positivo

Um dos espaços mais importantes, nobres, da Arena Condá, será revitalizado. O local em que se encontra a estátua do Índio Condá, concebida Paulo Siqueira, artista plástico que marcou história, irá receber um trabalho de recuperação e servirá como área de convivência e realocação dos vendedores de lanches e bebidas.

Sugestão desta coluna.

Negativo

Jefferson Schmidt apita o jogo entre Camboriú e Chapecoense. Ele era vetado pela Chapecoense até o ano passado. É praticamente um árbitro local. Não havia outro nome? Escalação perigosa.

Gral

quinta-feira, fevereiro 14th, 2013

Rodrigo Gral é outro que está merecendo cuidados especiais. Dores musculares levam o goleador a tratamentos específicos, de manutenção e recuperação. É a primeira vez que ele reclama de dores na temporada. Ou ao menos é a primeira vez que vaza para a imprensa. Suportou bem seis rodadas quentes e contra grandes equipes. A reta final do turno, sem riscos de uma lesão grave, exige a presença de Rodrigo Gral mesmo não estando 100%.  

Capixaba

quinta-feira, fevereiro 14th, 2013

Gilmar Dal Pozzo confia em Ronaldo Capixaba e sempre exalta sua capacidade de marcação, mesmo sendo um atacante. Não está errado o técnico da Chapecoense. Ele olha toda uma estrutura tática. Porém, após o treino de quinta-feira, Capixaba deixou o campo e foi direto para o gelo. Problema na virilha. Sempre uma situação complicada e que limita muito as ações do atleta. Fabinho Alves deve atuar com Rodrigo Gral. 

Fabiano

quinta-feira, fevereiro 14th, 2013

Desde o jogo contra o Juventus, o ala/zagueiro Fabiano, não treinou. Ele sente dores no adutor da coxa esquerda. Ele está a mais de uma semana sem treinar e Galiardo tem treinado normalmente. Clinicamente Fabiano está liberado, mas ele acusa dores. Um problema para Gilmar Dal Pozzo resolver. A escolha mais simples seria por Fabiano, mas é preciso ter a certeza de que ele não vai comprometer o setor defensivo por uma possível limitação muscular e que possa começar e terminar o jogo. Sem esta certeza, Galiardo deve jogar.

As reformas na Arena Condá

quarta-feira, fevereiro 13th, 2013

Estive no inicio da tarde de hoje, junto com o Fabio Schardong e o Mario Tomasi, dando uma olhada na Arena. Tem muito para ser realizado até o dia 10 de março. Antes disso ainda tem a necessidade de uma ampla vistoria. O tempo passa e os prazos apertam. As exigências são outras agora e tudo deve ser levado em consideração, cada detalhe. Fiquei preocupado. 

Estão matando os Jogos Abertos

quarta-feira, fevereiro 13th, 2013

Joinville, a maior cidade de SC, disse não aos Jogos Abertos, desistiu de ser sede neste ano. Pediu exagerados R$ 5 milhões para o Governo do Estado. O evento precisa ser repensado com urgência. A essência dos JASC está perdida e se transformou em um evento muito caro, principalmente no que se refere às contratações milionárias de atletas. R$ 5 milhões para realizar os JASC? Soa como desculpa para fugir do compromisso.

Com uma verba deste tamanho Chapecó realiza cinco edições.

Joinville dizer não aos Jogos Abertos de SC é uma desvalorização que este monumento do esporte catarinense não merecia. A maior cidade catarinense dizer não ao maior evento esportivo de SC é algo que escancara os rumos errados que nosso esporte amador está percorrendo.

Estão matando os Jogos Abertos. Incompetentes!

A grande fase de Athos

quinta-feira, fevereiro 7th, 2013

A cada rodada a pergunta ganha mais força: Como pode o Athos ser reserva na Chapecoense?

É uma escolha do técnico Gilmar Dal Pozzo. Com base naquilo que a Chapecoense está apresentando na primeira etapa e quando da entrada de Athos a equipe ganha em verticalidade e rapidez de conexão entre meio de campo e ataque, fica claro que ele não pode mais ser reserva. É sacar um volante e colocar Athos para jogar. É a visão da maioria, mas é preciso respeitar a opinião de Dal Pozzo, afinal de contas a campanha é exuberante.

chapecoense.com

quinta-feira, fevereiro 7th, 2013

No Programa Debate Esportivo da Rádio Chapecó AM 1330, reclamamos que no site da Chapecoense não havia registro de informações ou mesmo fotos do elenco.

O elenco já está postado, como fotos ainda não padronizadas, mas já está lá. Falta ainda um banco de fotos, outra reclamação nossa. Tabela, classificação e dados estatísticos também.

Reivindicamos para melhorar e não para cornetear.

Que fique bem claro.

Site da Chapecoense está melhorando. Vale um voto de confiança para a equipe. Site é exercício diário de atualização. Ferramenta indispensável em nossos dias.

Creio que o grupo de patrocinadores da Chapecoense que está no site é ainda do ano passado. Ou no mínimo alguns novos não estão sendo citados. Estou certo ou errado?

Surpreendente

quarta-feira, fevereiro 6th, 2013

Chapecoense 2×1 Juventus.

O futebol apresentado pelo Juventus de Jaraguá do Sul me surpreendeu positivamente. Joga leve e solto com um toque de bola de muita qualidade e deu um trabalho danado para a Chapecoense. Rodrigo Gral marcou mais dois e está na ponta da artilharia. Foi o melhor jogo que acompanhei até aqui no Campeonato Catarinense. Deu gosto de narrar pela Rádio Chapecó. Poderia ter sido mais fácil. Duas bolas na trave. No mínimo três gols perdidos. Mas a apresentação do Juventus valorizou muito a vitória.

O Rei

Rodrigo Gral é o Rei de Xanxerê. Cinco gols marcados, todos em Xanxerê, A facilidade de colocação e a forma como ele chama o jogo demonstram toda sua qualificação.

Poderia ter marcado mais dois no jogo, não fosse um cabeceio que deu defesa do goleiro e uma bola incrível na trave. Joga muito. É o melhor jogador do Campeonato Catarinense.

O título de Rei de Xanxerê é merecido. Que conquiste também o novo gramado da Arena Condá.

Campanha

Com 15 pontos conquistados em seis rodadas a Chapecoense caminha a passos largos para a conquista do turno. Nos restantes três jogos, quem sabe, com mais quatro pontos a vaga na semifinal estará na mão. Uma campanha motivadora. Merecida, acima de tudo.