Noite de encarar a Curuzu

Direto de Belém do Pará

Um estádio interessante, que abriga muitas histórias e que sempre causa aos adversários uma pressão diferenciada.

O Estádio da Curuzu será o palco do jogo desta terça-feira entre Paysandu e Chapecoense pela Série B. Jogo as 19:30.

O estádio foi aberto em 1918, portanto, carrega inúmeras histórias e duas conquistas nacionais de Série B por parte do Paysandu, em 1991 e em 2001.

Uma das maiores façanhas no mundo do futebol em todos os tempos aconteceu no Estádio da Curuzu, o gol mais rápido do mundo, foi realizado por um atleta do Paysandu. Após apenas 2 segundos do primeiro tempo, o atleta camisa 9 do time do Paysandu, Vital Filho, marcou um gol histórico. O jogo foi realizado no dia 04 de junho de 1997. Apesar da súmula oficial do jogo constar 2 segundo, a televisão mostrou que o gol foi realizado em 4 segundos, o que não impede de ser, de fato, o gol mais rápido do mundo. O jogo era entre Paysandu x Santa Rosa, válido pelo campeonato paraense de 1997.

O nome verdadeiro do local é Estádio Leônidas Sodré de Castro. Curuzu remete ao bairro em que está localizado e onde nasceu o Paysandu.

Será muito interessante transmitir na Rádio Chapecó AM 1330 e na Antena 1 FM 107,1 um jogo em uma das mais antigas praças esportivas do Brasil e do outro lado do País. É a Chapecoense, nos levando pelos caminhos do futebol.

Ouça o jogo com o time Líder de fato também no www.radiochapeco.com.br

4 comentarios para “Noite de encarar a Curuzu”

  1. Anderson disse:

    Fernando, é desejar um bom trabalho e muita sorte ao Juliano…

    Jogo que se empatar já está bom diante da bruxa solta na Chape, se ganhar então: Luxo….não podemos é perder 2 jogos agora….

    Ganhar algum pontinho lá, para depois voltamos a nossa aldeia Condá, assentamos a poeira para reorganizar as coisas e buscar 2 vitórias seguidas…retomar nosso caminho

  2. fernando disse:

    É isso aí.

  3. Lázaro Ferreira Rodrigues disse:

    Amigo Fernando Doesse, seja bem vindo a Belém, em particular ao nosso caldeirão a Curuzú. Desejo ótimo trabalho a sua equipe esportiva. Espero que narre os gols da vitória do Papão para a alegria da Fiel, a maior torcida do norte do Brasil.

    Não se preocupe com a derrota para o Papão, a Chape vai subir para a série A.

  4. Lázaro Ferreira Rodrigues disse:

    Caro amigo Fernando Doesse, a Curuzú é mística, pulsa e ferve…

Deixe um comentario