Cada um no seu cada qual

Alguns colegas de Florianópolis andam cobrando que a média de público na Arena Condá deveria ser maior e alguns contestam até mesmo a necessidade de uma ampliação, fato consumado, ao menos no papel.

Pois bem, em Santa Catarina a melhor média é do Joinville, maior cidade do Estado, atingindo a marca de 8.571 torcedores por jogo.

A Chapecoense aparece em sexto no geral e na segunda colocação estadual com 6.191 torcedores.

O Avaí chega à marca de 6.043 torcedores por jogo, uma posição atrás da Chapecoense.

O Figueirense aparece na 9ª colocação geral e fica na lanterna estadual com módicos 4.590.

Concordo que a média de público na Arena em Chapecó poderia e deveria ser maior, mas é preciso analisar primeiro o que acontece na sua casa, para somente depois tentar entender o que anda acontecendo na casa dos outros.

Os pacotes de TV tiram dos estádios uma fatia enorme de torcedores. O futebol se transformou em um espetáculo caro e a comodidade da TV atrai os torcedores para os bares e restaurantes.

Nossos estádios e arenas andam oferecendo pouco conforto e são precários no que se refere à alimentação e bebidas. Estacionamentos ou não existem ou são caros, e quando os carros ficam descobertos nas ruas o vandalismo acontece.

O torcedor ainda não está sendo tratado como cliente e por isso ele foge cada vez mais dos estádios e se fixa na frente da TV.

Quanto a analise de público, cada um no seu quadrado.

 

8 comentarios para “Cada um no seu cada qual”

  1. thiagao disse:

    Acho que voce pode incluir o preço… é elevado para acompanhar 4 jogos em casa… e a baixa qualidade dos jogos.. sem se preocupar com os outros, acho que se o estadio tem capacidade para 10, a media deveria ser 8 mil ainda mais ocm esse grande numero de socios.. nao estamos tao mal, mas poderia ser melhor

  2. Emerson disse:

    o estádio tem poucas condições, se melhorarem aí vai atrair mais público. Chapecó merece um estádio bom

  3. Silvio SZ disse:

    Se joinville com 600 mil habitantes tem media de 8 mil, Chapeco entao está bem demais. Com 200 mil habitantes, estamos com mais de 6 mil/media.

    Nota-se que joinville com 3 vezes mais populacao deveria ter no minimo 18 mil/jogo. e tem apenas 8 mil .

  4. Roberto disse:

    Ingresso muito caro… com certeza este fator reduz bastante o número de torcedores aqui… sem contar que pagar ingresso para menores de 12 anos é brabo né?

  5. Anderson disse:

    Fernando, estava olhando internet, pesquisando sobre Chapecoense, olha o Luxo que está nosso Verdão…saiu uma matéria de 3 páginas e uma menção no editorial da revista Football Underground edição de Outubro 2013, da Europa (em espanhol), é uma revista eletrônica mensal sobre o futebol mundial feita por jovens jornalistas espanhóis colaboradores, e o destaque do Futebol Brasileiro é a trajetória do nosso Verdão do Oeste na Série B 2013.

    Segue o link, além de mencionar a história no Editorial, a reportagem completa está nas páginas 47, 48 e 49.

    http://issuu.com/iratipratdelpozo/docs/o9_430abe66c0ccac

  6. Cristiano disse:

    Deixem o pessoalzinho da capital falar , é pura dor de cotovelo, ou seja INVEJA mesmo . . .

    Nunca fizeram nada pra ajudar o verdão e não seria agora que iriam falar bem da Arena, bom mesmo são os estádios da capital, principalmente o do Avai, que é horrivel de se chegar é um areião pra todo lado, o estadio esta sucateado, ou seja , a Arena Condá , da de 10 a 0 . . . .

  7. fernando disse:

    Muito legal, obrigado pelo envio do link.

  8. Bernardo disse:

    Pela quantidade de sócio a cota de ingresso é pequena devido a capacidade do estadio, sendo que algumas vezes nem todos os 9 mil e pocos sócios vão ao jogo, mais cerca de 1 mil e pocos lugares para os visitantes, uma capacidade de era de 12 mil cai para quase 10 mil então não tem como ter todos os sócios e todos os ingressos vendidos todas as vezes mesmo com uma campanha espetacular do verdão. os manezinhos que cuidem da vida deles porque ano que vem vão jogar a série B

Deixe um comentario