Hora do recomeço

 

A temporada de 2014 da Chapecoense, dentro de campo, necessita ainda de um diferencial, de uma faísca de emoção para mudar a postura dos torcedores e de todos que acompanham seus movimentos.

O Campeonato Catarinense foi ruim, apenas uma quinta colocação entre 10 limitadas equipes.

O Campeonato Brasileiro da Série A começou abaixo do esperado e com dificuldades maiores daqueles projetadas.

A inevitável queda do técnico aconteceu e com ela um fato novo, uma reação importante. A esperança era de que hoje o recomeço fosse marcado com novo técnico e que mais quatro contratações e algumas liberações. Uma mudança na foto. Não está sendo exatamente assim.

A Chapecoense necessita de reação e ela dependerá muito deste período de preparação que será realizado até a retomada após a Copa do Mundo.

E a esperada reação deverá obrigatoriamente acontecer dentro de campo, por parte dos atletas, sem a necessidade de muitas declarações de autoelogio como gostam alguns e com muito trabalho e dedicação.

A sequência de jogos, entre Série A e Copa do Brasil logo na retomada é para separar as crianças dos adultos. É barra pesada mesmo. Algo como aquele jogo famoso, oito ou 80, sem muita conversa.

A indefinição sobre o técnico, a falta de convicção em algumas decisões, as opiniões contraditórias dentro da diretoria, tudo isso me preocupa.

A hora é de unir a Chapecoense dentro campo e no vestiário, mas também de afinar o discurso da diretoria que anda difuso e distante. O material humano é bom, mas é preciso unir.

- Está marcada para segunda-feira, entre 09:30 e 10 horas, na sala de imprensa da Arena Condá, uma entrevista coletiva para marcar o retorno aos trabalhos na Chapecoense.

O evento tem sim um simbolismo importante, pois é a largada para o período mais importante do ano.

 

- Devem falar dirigentes da Chapecoense e um atleta e ser definido.

A direção deve deliberar sobre a contratação do novo técnico e de reforços. O atleta deve falar em nome do grupo e fazer a parte institucional do negócio.

 

- Não haverá apresentação do novo técnico e de novos jogadores. Dois estão contratados, se apresentam ao departamento de futebol hoje, realizam exames médicos e devem ser apresentados na terça-feira.

8 comentarios para “Hora do recomeço”

  1. Rafael Giusti disse:

    Athos seria um desses jogadores? Haja vista o istagram dele de hoje…. dizendo que estava chegando em chapecó e declarações de adeus da ultima equipe em comentários?

  2. everton disse:

    BOMBA!!!!! ATHOS SE APRESENTA AMANHÃ NA ARENA CONDA…

  3. Fabio disse:

    C for verdade, maravilha.

  4. fernando disse:

    Segundo a diretoria da Chapecoense não. Vem a Chapecó a negócios, pois possui imóveis aqui.

  5. Pedrinho manjar disse:

    Ole ole ole olee athosss athoss

  6. everton disse:

    Atacante Richiely do Goias chega amanhã, segundo futebol sc…nunca vi falar.

  7. everton disse:

    Volante e ou meia Zezinho ja esta na cidade, esse parecer ser boa contratação, meio mala, mas joga muita bola.

  8. Fabio disse:

    Mas o q q a diretoria ta esperando pra contratar o Athos, o cara ta ai dando sopa, poderiam deixar as picuinhas de lado e escutar mais quem esta patrocinando em grande % o clube ou seja todos os sócios, o cara é melhor que muitos q tem ai e não são dispensados, alias não jogariam nem num catarinense , Athos acrescentaria muito ao time.

Deixe um comentario