A visita de Fernando Carvalho

O ex-presidente do Internacional, Fernando Carvalho ( na foto com meu amigo Ailor no Galpão Grill), desembarcou no sábado em Chapecó. Já começou acertando quando foi ao Galpão Grill. Mostra que sabe muito!

Sua missão era a de resolver o problema envolvendo o jogador Régis, representado por seu escritório.

O caso remete a um rompimento de contrato e a iniciativa foi do jogador, que não se reapresentou no retorno ao trabalho e que aguarda um desfecho para se apresentar ao Sport do Recife.

O que ficou decidido na reunião deverá ser anunciado nesta semana à imprensa, por parte da diretoria.

O desencontro de informações na Chapecoense é grande e impressiona. O presidente disse que a multa para liberar Régis seria de R$ 1,5 milhão. Já o departamento jurídico chegou a incrível soma de R 20 milhões!

Fico com a palavra do presidente Sandro Pallaoro, por me parecer adequada a situação e por acreditar que o  presidente não abriria um valor se ele não fosse verdadeiro. Na verdade seria uma situação no papel e outra no acerto verbal. Não é melhor definir logo no papel o que vale?

Quanto aos R$ 20 milhões para liberar Régis, imagino quanto estaria valendo o passe do Messi!

9 comentarios para “A visita de Fernando Carvalho”

  1. Silvio SZ disse:

    A barca tem q passar tbem em alguns integrantes da diretoria da Chape.

  2. Venancio disse:

    Cara, tá faltando transparência na diretoria. Vale lembrar que a Chapecoense não é deles, é de todo o povo chapecoense e do Oeste, principalmente dos sócios que contribuem mensalmente para que a associação esteja cada vez mais forte. Esse negócio do Régis, é preciso que haja transparência e que se cobre de fato o valor da multa, sem um centavo a menos. O jogador é um mau-caráter de marca maior, mais um pilantrinha no meio do futebol e tem que ter sua saída dificultada, Não se pode facilitar para jogadores pilantras como estes, tem que ser duro.

  3. Fabio disse:

    Vamos todos querer saber o q realmente vai ser feito com relação a este jogador, o q não pode é liberar o cara sem cobrar a multa d jeito nenhum, depois d tud o q o cara aprontou. Não lembro d nenhum outro jogador da Chapecoense ter aprontado isso tudo em toda história do verdão

  4. Everton disse:

    Tem que cobrar o valor da multa integral, esse Fernando Carvalho veio tentar enrolar nossa diretoria fraca e inoperante. A torcida exige a cobrança integral do valor…a imprensa tem que exigir trasparência no caso….

  5. Everton disse:

    Quando a Chapecoense estava na série D esses empresários da dupla grenal nem ligavam pra chape, agora estão todo hora por aqui tentando tirar vantagem dessa nossa diretoria meia boca. LIBERAR O RÉGIS SOMENTE COM PAGAMENTO INTEGRAL DA MULTA, CASO CONTRÁRIO COLOCA ELE TREINAR COM OS JUNIORES.

  6. João disse:

    Parabéns Venancio, resumiu tudo…faltando trasparência com os sócios torcedores.

    Venancio disse: 22/06/2014 às 17:31

    Cara, tá faltando transparência na diretoria. Vale lembrar que a Chapecoense não é deles, é de todo o povo chapecoense e do Oeste, principalmente dos sócios que contribuem mensalmente para que a associação esteja cada vez mais forte. Esse negócio do Régis, é preciso que haja transparência e que se cobre de fato o valor da multa, sem um centavo a menos. O jogador é um mau-caráter de marca maior, mais um pilantrinha no meio do futebol e tem que ter sua saída dificultada, Não se pode facilitar para jogadores pilantras como estes, tem que ser duro.

  7. Moraesão disse:

    Manda esse Régis treinar com o juniores e pede pra gurizada descer o sarrafo nesse safado.

  8. Jr Verdão disse:

    Vai jogar a série B no Sport o ano que vem, seu mercenário!

  9. Jr Verdão disse:

    e outra, manda a torcida calar a boca lá também, “craque”!

Deixe um comentario