Um grande 0X0

Normalmente um empate sem gols é jogo chato e sem  graça. O de domingo entre Internacional e Chapecoense, não foi. Jogo aberto e com muita intensidade. A Chapecoense encarou o Internacional sem nenhum tipo de vergonha. Teve duas oportunidades para definir o jogo. O mesmo vale para o Inter. O empate não é injusto, mas poderia ter sido com gols para dar ainda mais brilho ao encontro.

O resultado foi bom para a Chapecoense que se consolida na 9ª posição e abre bela vantagem da zona do rebaixamento, estando mais perto do G4.

A cobrada falta de personalidade da Chapecoense fora de casa não esteve em campo na tarde de domingo no Beira Rio.

O técnico Vinicius Eutrópio foi corajoso e determinado e promoveu boas mudanças. Uma exceção a entrada de Hyoran, que não teve boa produção e deixou passar mais uma boa oportunidade.

A Chapecoense está no caminho certo e se não aumenta extraordinariamente de produção, se mantém em uma posição muito boa para o tamanho do investimento.

Saí do Beira Rio feliz, com a certeza de que podemos pensar mais adiante e de que a Chapecoense é presença certa na elite em 2016.

Bola pra frente e agora é hora de encarar o danado do Figueirense. É domingo, já.

10 comentarios para “Um grande 0X0”

  1. Samair disse:

    Parabens pelo grande empate…..agora se a gente perder pro figueira de novo, ai eu largo mão…KKKKKK

  2. Fabricio ccó disse:

    São esses resultados que fazem a Chape criar respeito, todos estão de parabens.
    O Figueirense vem sem Cleitinho e Marquinhos. Fernando essa semana precisa ser reprisado todas as tardes o trecho da entrevista que o Argel diz que abandona o futebol se perder pro Pallaoro. Tem que ser criado um clima de decisão pra esse jogo. O Figueirense ta atravessado na garganta.

  3. Priscila disse:

    Falou tudoo Fabricio ccó: entalado na garganta….
    TEM QUE VENCER DOMINGOO…. É UMA QUESTÃO DE HONRA.

  4. Pedro disse:

    Domingo tem que vencer. Motivem os jogadores. Ofereçam premiação. É preciso vencer a qualquer custo. Estamos com o Figueira e o Argel entalados na garganta. Uma vitória domingo nos fará muito bem, e ainda nos dará tranquilidade para jogar a Sulamericana, visto que com 26 pontos e faltando 2 rodadas pro fim do primeiro turno, temos uma boa margem da zona de rebaixamento.

  5. Costa disse:

    Domingo é dia de lotar a Arena condá e mostrar para o Argel que não se pode desrespeitar e menosprezar a Chape!

  6. Moraesão disse:

    Falando sobre o jogo, quando é pra criticar a gente critica, mas quando é pra elogiar também elogiamos e ontem o Vinicius Eutrópio foi o técnico que queremos ver. Colocou pela primeira vez o time pra jogar pra vencer desde o início de jogo e quando se joga pra vencer ou se ganha ou se empata, dificilmente se perde. A Chapecoense tem time pra jogar de igual pra igual com qualquer um, tanto dentro quanto fora de casa, e isso ficou provado ontem. Espero que o Eutrópio tenha percebido isso, mesmo que tenha demorado demais, ele ainda pode demonstrar que é um bom técnico. Outro fator que ficou claro foi de que a dupla de zaga tem que ser neto e vilson, o que muitos torcedores já diziam. Denner novamente foi bem, defensivamente ele é muito bom e agora com o Thiago Luís que também está voltando a ser o bom Thiago Luís criando lá na frente junto com o Apodi o Dener pode segurar um pouco mais. O Thiago Luís também pode cair pela esquerda quando for preciso. Ainda acho que o Bruno Silva pode jogar mais, as vezes parece meio desligado do jogo e as vezes também parece que o time perde um pouco a voia e não tem tanta ambição. Por exemplo teve um contra-ataque que o apodi foi ao ataque e o thiago luís deu o passe atrás e o apodi simplesmente desistiu da jogada sendo que dava tempo deve voltar e pegar a bola ainda dentro da área adversária e tentar o gol.

    Sobre o time ideal acho que tem que ser esse mesmo, danilo-dener-neto-vilson-apodi-elicarlos-bruno silva-gil-cleber santana-thiago luís e bruno rangel. Dentro de casa aí dependendo do adversário e da situação do jogo pode jogar com dois abertos pelo lado mais um no meio. Mas jogos fora tem que ser esse time.

  7. Moraesão disse:

    Sobre o jogo contra o Figueirense tem que ter cautela, o figueirense adora jogar no contra-ataque. Não adianta ir com tudo pra cima que nem louco que perde o jogo. No entanto uma boa notícia é que o cleytinho e o marquinhos estão fora. O Cleyton e a cabeça pensando do figueira, sem ele é só o Eutrópio botar alguém para marcar o Carlos Alberto e/ou o Rafael Bastos que acabou o time do Figueirense. Eutrópio por favor leia isso, se marcar esses dois jogadores já que o cleytinho não vai estar em campo e tomar cuidado com o sueliton o figueirense não vai ter nenhuma jogada de ataque, aí é caixa. E e claro o mínimo que os jogadores da Chapecoense tem que ter é garra ou guerra como queiram. Tá na hora de fazer o Argel engolir essa soberba.

  8. Thiago_fant disse:

    Quero Ver qual repórter vai ter culhão de perguntar ao Argel o que ele vai fazer agora na sua aposentadoria.

  9. Alessandro Zoletti disse:

    ÔNIBUS DOS TORCEDORES DA CHAPE FOI APEDREJADO APÓS O JOGO! Notícia lamentável. Prejuízos de pelo menos 5 mil reais à empresa de turismo. Não são torcedores, são bandidos. Atacaram famílias de Chapeco. Quando vem ao oeste tem toda proteção policial. Àqueles chapecoenses que ainda apoiam este time, vocês estão ajudando a comprar bala para os revólveres deles e colocando pedras em vossas mão para serem alvejadas contra as famílias chapecoenses.

  10. Florianópolis/Chapecó disse:

    Zoletti, ta falando asneira, um fato isolado com um andarilho, não coloque lenha na fogueira, a imprensa acompanhou o caso e viu o acontecimento, segundo a os profissionais da imprensa foram todos bem recebidos.

Deixe um comentario