Tchau Macaca

Chapecoense 3×0 Ponte Preta

 

Só para lembrar que Macaca é o carinhoso apelido da Ponte Preta. Isso é coisa de antigamente, pois nos dias de hoje o politicamente não permitiria.

Em relação ao jogo, o resultado demonstra exatamente a superioridade e maior organização da Chapecoense.

O gramado molhado pelo temporal que resolveu marcar presença justamente em cima da hora e deixou o jogo com muito contato e ruim tecnicamente. O gol de pênalti veio aos 46 da etapa inicial, deixando a situação bem melhor e desequilibrando os planos da Ponte Preta.
Na segunda etapa as escolhas de Vinicius Eutrópio foram mais eficientes do que as de Doriva e desta forma a vitórias por 3×0 veio naturalmente.

A melhor troca foi à entrada de Tiago Luis. Ele entrou e já marcou um gol espetacular. Foi o gol que deu a tranqüilidade para naturalmente chegar à marca do terceiro e definitivo tento.

Agora a Chapecoense projeta o jogo contra o Corinthians no domingo e toda a seqüência importante que tem pela frente na Série A e de olho nos jogos da Sul-Americana para saber se o próximo adversário é paraguaio ou chileno.

Foi uma noite importante para a Chapecoense em sua trajetória de crescimento e realizar um jogo internacional faz parte deste novo e espetacular momento.

Mais uma etapa foi alcançada.

15 comentarios para “Tchau Macaca”

  1. Jr Verdão disse:

    Gostei da atuação do Nenem (dentro das possibilidades dele). Wagner burocrático. O Roger só cobrou bem o penâlti, porque o resto… O Roger deveria pegar umas aulas com o Tiago Luis.

    Mas mesmo com a chuvarada foi divertido. Também queria dizer que a torcida da Chape é fiel, pode não ser uma que grita o tempo todo, mas até fiquei surpreso com todas as possibilidades adversas de ontem e o povo foi.

  2. Mateus - Porto Belo disse:

    Deu a lógica, tenho certeza que ganharemos do Corinthians, mas fora de casa a maratona irá continuar….

  3. thiagao disse:

    parabens para quem foi no jogo.. porque eu amarelei para a chuva!

  4. Moraesão disse:

    Se a Chapecoense jogasse 50% por cento fora de casa o que joga na Arena já tava bom pro Brasileiro. O segredo a ser trabalhado é este. Como vencer fora de casa. Vencer, não empatar.

  5. Venancio disse:

    O proximo jogo da SULA sera la pro fim de setembro. Se conseguirmos ter mais umas 3 vitorias ate la, da pra botar os titulares na sula…. Biliscar uma vaga nas quartas pra enfrentar o river.

  6. Fabricio ccó disse:

    Até achei que o Roger foi bem ontem Jr Verdão. Tomara que nessa sequencia que vem tendo consiga deslanchar.Em anos anteriores ja foi o principal atacante do Sport e da própria Ponte impossível que tenha desaprendido.
    Parabens mesmo merece quem foi la na geral, esses que foram ontem mereceriam ter vantagens na hora de renovar a carteirinha.

  7. Jr Verdão disse:

    Tomara Fabricio. Mas ele que se cuide, porque Tulio de Melo está na área. Na área literalmente falando.

  8. Silvio SZ disse:

    Eu achava que era so o Eutropio que dava desculpas esfarradas qdo perdia um jogo.
    Ontem foi a vez do Doriva, no site Fut do Interior ele culpou o gramado em pessimas condicoes na Arena Conda kkkkkkk

  9. Fabricio ccó disse:

    Tulio de Melo. Tava fazendo uma pesquisa e foi pretendido pelo Cruzeiro no inicio do ano, foi artilheiro no Frances em 2013 e ao contrario de muitos contratados pela Chape tem muitos torcedores que o elogiam em ex clubes. Tomara que tenha uma rapida adaptação e esteja com preparo fisico bom.

  10. Pedro disse:

    Gostei da contratação do Túlio de Melo. Já jogou ligas importantes pelo mundo, sendo titular em alguns clubes. Só que dificilmente irá jogar. Veio pra passar férias em Chapecó, assim como Matheus e Flavinho Valencio. Não sei por que contratam se o Eutrópio nunca dá chance a quem chega.

  11. vidente disse:

    Não sei se a Chape ganha do Corinthians, mas isso pode ser olhado através de uma ótica positiva.
    A chapecoense já deu provas que pode enfrentar os adversário de igual para igual, jogando fora de casa.
    O nosso time joga mal fora de casa pq sai em busca do empate e pq sabe q a campanha em casa dá tranquilidade na tabela, principalmente considerando o objetivo de fuga do rebaixamento.
    Ocorre que no momento que a Chape perder em casa, a tranquilidade se consome e o time parte pra cima, mesmo fora dos próprios domínios. A exemplo da nossa única vitória fora, quando perdemos em casa para o São Paulo e recuperamos fora, contra o Cruzeiro, na rodada seguinte.
    Isso não foi coincidência! As derrotas fora vêm como consequência de um problema de postura do time, as vitórias em casa deixam o time acomodado nas partidas fora de casa.
    É lógico que não defendo uma derrota para o Corinthians, mas caso ela ocorra, pode escancarar essa postura da chape, de ACOMODAÇÃO.
    O cenário ideal seria a realização de um trabalho de motivação para o time entrar com sangue nos olhos nas partidas como visitante.
    Talvez se esquecêssemos a meta de fuga do rebaixamento, bonita pela humildade, mas acomodativa por ser a mais rasa do torneio, o time melhorasse na tabela.
    Tá na hora de pensar em ganhar de todos, de marcar história no brasileirão!
    Vamos pra cima chape, o time já mostrou que é capaz.

  12. Pedro disse:

    O jogo da Sulamericana será somente no dia 23 de Setembro. Até lá teremos 7 jogos no Brasileiro para somar pontos e afastar os perigos do reabaixamento. Com isso poderemos entrar com o time completo na SULA e buscar pelo menos as quartas-de-final, onde provavelmente enfrentaríamos o RIVER PLATE. Seria fantástico.

  13. Costa disse:

    Não sei se a Chape ganha do Corinthians, mas isso pode ser olhado através de uma ótica positiva.
    A chapecoense já deu provas que pode enfrentar os adversário de igual para igual, jogando fora de casa.
    O nosso time joga mal fora de casa pq sai em busca do empate e pq sabe q a campanha em casa dá tranquilidade na tabela, principalmente considerando o objetivo de fuga do rebaixamento.
    Ocorre que no momento que a Chape perder em casa, a tranquilidade se consome e o time parte pra cima, mesmo fora dos próprios domínios. A exemplo da nossa única vitória fora, quando perdemos em casa para o São Paulo e recuperamos fora, contra o Cruzeiro, na rodada seguinte.
    Isso não foi coincidência! As derrotas fora vêm como consequência de um problema de postura do time, as vitórias em casa deixam o time acomodado nas partidas fora de casa.
    É lógico que não defendo uma derrota para o Corinthians, mas caso ela ocorra, pode escancarar essa postura da chape, de ACOMODAÇÃO.
    O cenário ideal seria a realização de um trabalho de motivação para o time entrar com sangue nos olhos nas partidas como visitante.
    Talvez se esquecêssemos a meta de fuga do rebaixamento, bonita pela humildade, mas acomodativa por ser a mais rasa do torneio, o time melhorasse na tabela.
    Tá na hora de pensar em ganhar de todos, de marcar história no brasileirão!
    Vamos pra cima chape, o time já mostrou que é capaz.

  14. Pedro disse:

    Costa, trabalho de motivação com o Eutrópio no comando é bem difícil. Aquela tranqueira não tem potencial pra motivar ninguem. Maximo que ele pode fazer é causar sono com seu discurso molengão. A Chape precisa de um técnico de pulso firme, que motive, extraia o melhor dos atletas. E hoje só vejo um nome no mercado capaz de fazer isso: MAURO OVELHA.

  15. Alecsandro disse:

    kkkkkkk, Mauro Ovelha, daí sim!!!!

Deixe um comentario