Para lavar a alma

 

 

Chapecoense 3×0 Sport

 

A Chapecoense estava precisando. Nós todos estávamos precisando. Foi uma vitória para lavar a alma e para encaminhar a missão de permanecer na Série A.

A primeira etapa foi equilibrada até o gol de Thiego no minuto final. Boa bola parada de Cleber Santana e o cabeceio na primeira trave. O gol foi importante não apenas por abrir o placar, mas para levar para o intervalo uma pressão ainda maior sobre o Sport.

E o gol foi mesmo determinante, pois nitidamente o Sport sentiu o golpe e logo cedo a Chapecoense fez o segundo tento com Ananias. Daí para a frente a superioridade foi total da Chape. O Sport se entregou completamente e não teve forças para reagir. O terceiro gol, com Kempes, foi apenas uma consequência da superioridade.

Fiquei negativamente impressionado com o Sport. Um time sem força, sem ambição e que parece estar se entregando ao rebaixamento. Mal escalado por Oswaldo de Oliveira, que hoje se apresenta ao Corinthians.

O Sport tem um orçamento grande, paga bem e em dia, mas não conseguiu montar um elenco de qualidade para a temporada, As individualidades são até interessantes, mas o coletivo não funciona.

A Chapecoense se remontou após as experiências mal sucedidas dos últimos jogos e teve um desempenho muito acima dos mais recentes jogos.

Marcou a saída de bola com eficiência. Teve postura defensiva de time de Série A, provando que a zaga é mesmo Neto e Thiego. A entrada de Alan Ruschel em uma função diferente foi um acerto do técnico. E Ananias justificou a escolha de Caio jogando muito o tempo todo.

A grande virtude de Caio Júnior como técnico foi não inventar. Fez o simples e acertou em cheio nas suas escolhas. Escalou bem e mexeu bem no time.

Foi uma vitória merecida e sem sustos, como a gente gosta!

Mais um passo e o objetivo estará alcançado.

Quem sabe agora a imprensa do Centro do País pare de secar a Chapecoense.

 

18 comentarios para “Para lavar a alma”

  1. Fabio disse:

    O time fez a sua parte, maravilha, parabens a todos os jogadores mas c dependesse do apoio da nossa torcida para jogar junto com o time durante o jogo ,estariamos no rebaixameno com certeza, lamentavel,

  2. Roberto disse:

    Ué? Cadê os “torcedores” entendidos pra criticar?

  3. Marcelo disse:

    Sempre tem idiota como o Roberto pra indicar. Fiquem à vontade pra criticar! Chapecoense bem hoje

  4. Roberto disse:

    Agora traduz…

  5. Tiago disse:

    Só não entendo o significa ‘o técnico não inventou’. Ele mexeu no time mais do que nos outros jogos e ganhou, então não inventou. Agora se tivesse perdido com essa escalação ai teria inventado?

  6. Jr Verdão disse:

    Esse é o verdão que conhecemos. Tu veja que influência uma troca de técnico tem num time. No turno nós estávamos nessa transição e levamos um chacoalho lá, no returno foi a vez deles. Pena que tiraram o afodi do nosso time e que está jogando de meia atacante lá. Se estivesse aqui jogando na direita estaríamos brigando pelo G6.

  7. thiagao, sincero disse:

    poisé… ele inventou mais que com 3 zagueiros.. mas nesse jogo ganhou.. assim é facil analisar.. uhahuahuahua

  8. Fabricio ccó disse:

    Unica “invenção” foi o Alan no meio. Nas demais posições queira ou não era o que tinha de melhor no momento. Escalou quem deveria ser escalado.

  9. Paulo disse:

    baita resultado, porém foi contra um time, como bem dito, muito fraco, sem ambição alguma, também acho que o problema lá vai além da qualidade técnica dos jogadores,

    A nossa equipe estava torta, o desenho tático do caioburrotropio estava equivocado, sergio manoel e biteco totalmente fora de posição na etapa inicial, não é entanto que a todo momento os vaiavam, sergio manoel não vai armar jogadas e biteco NUNCA foi primeiro volante…
    Pontos positivos, Neto! sem um perna é infinitamente melhor que o Felipe Machado, Alan Ruschel na meia esquerda tbm foi ótimo, vai agregar nessa reta final, porém essas mudanças já eram requeridas a tempo, acredito que o direção chegou no medíocre e incompetente treinador, e o fez aceitar essas mudanças a “guela a baixo”, sabendo que na serie B o Alan fez esse papel com o Fabinho Gaúcho.

    A Chapecoense não cai, seja quem for o treinador, olhem o rol de “técnicos” que já já tivemos por aqui, Jorginho, Eutropio e agora essa ameba, CaiotropioJunior… cara nem se viesse o Rebaixado Celso Roth a chape cairia!

  10. thiagao, sincero disse:

    desisto!

  11. Jackson disse:

    auehaiuehaiuheua, voltou o thiagao, kkkkkk andava sumida por essas bandas… concordo com tudo o que disse o Fabrício, e Caioba não serve pro time amandor fatos!

  12. Jackson disse:

    sumido*

  13. Mateus PB disse:

    Não assisti o jogo, mas o resultado foi bom, ruim é a nossa sequência de jogos..

  14. Alecsandro disse:

    Boa vitória, mas ainda faltam 5 pontos, a sequencia de jogos da Chape é de arrepiar. Não podem perder o foco!!

  15. Flávio disse:

    Caio Jr. Muito fraco time do Sport e horrível. Mas alguém pode responder o que o Rangel faz no Banco. Acho ele é o Kempes se equivalem então o Rangel já seria artilheiro do brasileiro e de quebra trazia um premio para a chape

  16. Samair disse:

    Grande vitoria….e dalhe chuva, peguei gripe….kkkkk, ma tudo bem, a vitoria valeu a pena….agora mais 4 pontinhos…e que nos engulam mais um ano na serie A

  17. Jr Verdão disse:

    Tomara que o Caio renove, é um bom técnico.

  18. Mateus PB disse:

    Eu acho que a questão não é o Caio, e sim o elenco… Faça a comparação com anos anteriores….

Deixe um comentario