Arquivo para a categoria: ‘Esporte’

Janaina Todeschini recebe justa homenagem

quinta-feira, fevereiro 25th, 2010

A Câmara de Vereadores de Chapecó acertou em cheio ao realizar no dia 09 de março ato que homenageará a atleta chapecoense Janaina Palmira Scheffer Todeschini, 1ª campeã catarinense feminina e campeã gaúcha em 2009 no Motocross. A miscigenação entre os sangues alemão e italiano trouxe ao mundo uma atleta diferenciada e que encontra na família todo o apoio para desfilar nas pistas do Sul do Brasil seu talento. Com este gesto a Câmara de Vereadores colabora para divulgar as conquistas desta jovem atleta e volta a dar visibilidade a este esporte fantástico. Parabéns vereadores e parabéns Janaina por este talento nato.

Novidade na programação esportiva da Rádio Chapecó

sábado, fevereiro 20th, 2010

Buscando uma opção diferenciada para o final de tarde e na maneira de abordar o noticiário esportivo a Equipe Esporte Total da Rádio Chapecó AM 1330 estréia na segunda-feira 22 de fevereiro o Debate Esportivo.  

A fórmula é conhecida e consagrada, porém o rádio esportivo local não mantém um debate esportivo diário e esta é a proposta da Rádio Chapecó. O ouvinte poderá interagir com perguntas e participar ativamente do debate.

O centro das discussões será a Chapecoense, mas com espaço também para a dupla Gre-Nal e outros esportes.

O Debate Esportivo será apresentado a partir das 18h05min de segunda a sexta-feira, logo após a tradicional Oração da Ave Maria. Tadeu Costa, Fabio Schardong, Douglas Dorneles, Plínio Ritter, Rodrigo Goulart e este cronista formam a bancada fixa da atração. Segunda-feira aguardamos a sua audiência. E vem mais por aí.

Trago liberado na Arena Joinville

segunda-feira, janeiro 18th, 2010

Leia este post que está no Blog do Rodrigo de Brusqe.

 

Foto joinvilleUma interessante polêmica nesse início de Catarinense: segundo informa o “AN” de hoje, a venda de cerveja foi liberada na Arena Joinville ontem, na partida JEC x Criciúma. Segundo a matéria, a liminar foi obtida não pelo clube, mas pela empresa terceirizada que administra os bares do Estádio. A sentença foi dada pelo juiz Gustavo Aracheski, da 2a. Vara Cível de Joinville, derrubando termo de ajuste de conduta assinado entre Federação e Ministério Público, no final de 2008.

Não conheço a íntegra da decisão, mas, se tal liminar não for derrubada, vai criar um precedente para que os outros Estádios usem do mesmo expediente para liberar a venda de cerveja nas outras partidas. Os clubes, principalmente os menores, têm no bar uma grande, se não a maior arrecadação durante um jogo. Sem cerveja, o dinheiro é bem menor.

Particularmente, acho errado proibir venda de cerveja no Estádio. Mas como a Polícia e a Justiça não dão conta de encontrar e punir os irresponsáveis que causam problemas por aí, acham melhor tirar a geladinha do torcedor que vai lá para ter horas de diversão.

Fonte: Blog do Rodrigo.

Finalmente 2010 começa oficialmente!!!

domingo, janeiro 3rd, 2010

Depois das festas o ano de 2010 começa oficialmente nesta segunda-feira. No esporte teremos um ano cheio. Com a Chapecoense vem aí o Campeonato Catarinense e logo após a Copa do Brasil, Copa SC e a Série C do Campeonato Brasileiro. Em ano de Copa do Mundo mesmo assim a Chapecoense não terá folga. Depende apenas da Chapecoense para que tenhamos um ano de calendário completo é só não fazer feio na Série C.  

Este ano de 2010 marca o cinqüentenário dos Jogos Abertos de SC em seu retorno a Brusque. Desta vez mais cedo, em setembro, para que nossos políticos possam montar seus desagradáveis palanques. Com a dupla Gre-Nal a vantagem é do Inter que terá a Libertadores da América.

Um ano que promete!    

Chapecoense na reta

Últimas duas semanas de preparação e experiências para a Chapecoense. A base para os últimos acertos será a cidade de Itá. Um detalhe interessante é que a prefeitura de lá vai bancar todas as despesas deste período. Teremos ainda dois amistosos (07 e 10) contra o Ypiranga de Erechim.

Tomara que o técnico Mauro Ovelha possa contar com a maior parte de seu elenco tido como titular para que possa consolidar este período de preparação como se espera.

Reside ainda uma forte desconfiança sobre a qualidade do meio de campo e do ataque. Uma boa hora para provar o contrário.

Hoje gostaria de ver a Chapecoense em campo com a seguinte formação: Nivaldo, João Rodrigo, William Amaral, Silvio Bido e Morisco, Badé, Cadú Gaúcho e Basílio, Mazinho, Waldison e Tuto. Boas opções com Luiz André, Anelka, Steve, Emerson Cris, Fabinho e Aelson.

Uma verdade

Por mais que tenhamos uma temporada de preparação bem executada à verdade é que a equipe se molda mesmo é com a competição em andamento. O tal do ditado de que treino e treino e jogo é jogo é muito verdadeiro. Duas equipes devem chegar com vantagem nesta largada. Chapecoense e Joinville estão mais adiantadas e o Verdão ainda está mais a frente. Se a resposta vier dentro de campo já na estréia a possibilidade de conquistar o turno existe. Aliás, esta é uma meta muito clara da Chapecoense.

Grande audiência

Participei na manhã de ontem com Plínio Ritter e Fernando Mattos do Show de Bola da Ric/Record. Foi um debate produtivo e de alto nível. Por sermos amigos e profissionais da área certamente a missão ficou mais fácil.   

O Plínio como comandante deixa todos muito a vontade. Depois da apresentação do programa recebi uma série de mensagens pelo celular e internet provando a grande audiência do espaço. Mesmo a Record não sendo mais a emissora a transmitir o Campeonato Catarinense o programa deve ser mantido. Que assim seja.

Coluna Fernando Doesse. 24 e 25.12

sexta-feira, dezembro 25th, 2009

Missão cumprida

No inicio do ano a meta a ser atingida pela Chapecoense Futsal parecia muito distante. Voltar à elite do futsal catarinense ao lado de Jaraguá do Sul, Joinville e Florianópolis poderia parecer algo ainda inatingível. Orçamento apertado e uma equipe modesta que foi perdendo peças ao longo da competição, mas que também foi evoluindo pelas mãos do técnico Agnaldo Pereira.

Pois na noite que quarta-feira o distante se tornou realidade com todos os contornos do caminho de pedras que esta equipe trilhou. O futsal chapecoense está na elite estadual e ainda vai decidir o titulo da 1ª divisão contra Capivari até o final do ano. O elenco superou muitas adversidades inclusive uma criada pela própria Federação Catarinense de Futsal que devido a sua fraca estruturação e por não possuir um Tribunal de Justiça Desportiva viu o certame parar por cerca de três meses. Mas enfim deu tudo certo.

 Olhando o futuro

Para a Chapecoense Futsal será necessário agora montar um estrutura de organização e financeira muito mais avançada do que esta que aí está. Encarar a Divisão Especial e bater de frente com estruturas de Liga Nacional é bem diferente do que a 1ª Divisão que na sua maioria beira o amadorismo. A Especial é a Séria A e a 1ª Divisão uma Série D. As diferenças são enormes. Chapecó pelo porte e potencial que possui não pode figurar como visita entre os grandes. E mais! Já está na hora de algum empresário forte que gosta do futsal comprar uma vaga na Liga Nacional, pois a coisa funciona a base de dinheiro mesmo! Coma vaga na mão e com gente daqui investindo fica mais tranqüilo.

 Falta de inteligência

O futsal catarinense carrega nesta temporada a marca de ter o certame mais longevo. Graças à incompetência gerencial teremos jogos até 29 de dezembro. Decisões em noites de fim de ano quando as atenções voltadas para as festas. Ao contrário das empresas as federações de futebol não têm concorrentes e por isso a vida segue. Em havendo concorrência a maioria já teria fechado as portas. A primeira seria a de SC.

 Enquanto isso…

 A Associação Chapecoense de Futebol trabalha forte para a temporada 2010 e Mauro Ovelha, como é de seu estilo, não da trégua para a turma.

Entre Natal e Ano Novo teremos o amistoso dia 29 em Coronel Freitas contra o São Luiz de Ijuí. Enquanto isso nas demais equipes o noticiário aponta venda de jogadores, encerramento de parceria, contratações sem muita expressão, departamentos de futebol ainda sendo montados e por aí vai. A primeira a começar. A primeira a fechar elenco foi a Chapecoense. Isso pode fazer a diferença.

 

FELIZ NATAL E UM ANO NOVO DE MUITAS VITÓRIAS!

Coluna Fernando Doesse. 23.12.09.

quarta-feira, dezembro 23rd, 2009

Na frente

É inegável que a Chapecoense está na frente dos demais times da elite de SC na sua preparação. Além de manter grande parte do elenco da Série D contratou e todos já estão trabalhando. Certamente teremos uma vantagem na largada, principalmente no que se refere à preparação física. A pré temporada está confirmada para a cidade de Ita, que oferece excelente infra-estrutura hoteleira e o grupo terá tempo para treinar, fazer dois amistosos em janeiro e estreitar o relacionamento interno que é sempre importante. 

A Chapecoense larga na frente e se isto se refletir dentro de campo não deve deixar escapar a oportunidade de render tudo o que pode e já confirmar conquistas no primeiro turno. Teoria, mas ela existe.

 Acreditar

Em contatos mantidos neste final de ano com empresários de Chapecó que investem em futebol notei neles uma fé muito grande em um ano destacado da Chapecoense. Trata-se de uma grande noticia já que é desta turma que sai boa parte do apoio financeiro para bancar os investimentos.

A Chapecoense que hoje está sendo tocada por um grupo de empresários de Chapecó encontra na sua classe o apoio necessário para, mesmo com dificuldades, tocar este projeto vitorioso. Credibilidade é a palavra de ordem.     

 Gramado da Arena

 Tema de debates e de criticas o gramado da Arena deverá passar por melhoras. Aliás, já está passando.

Foi contratada a empresa do Sr. Vilizeu Curtarelli para o replantio da grama e para leivar as partes novas. Segundo me disse ontem à tarde o Secretário de Serviços Urbanos de Chapecó, Valmor Scolari, o Prefeito João Rodrigues pediu pressa no serviço.

Não poderemos exigir muito já que o gramado está muito comprometido. Melhorias nas casamatas também serão feitas com a instalação de estruturas em acrílico. Só pode melhorar, piorar é impossível.

 Chapecoense na quadra

 Hoje a noite (20:15) no ginásio do SESC a Chapecoense Futsal enfrenta Ibirama pelo estadual da 1ª divisão e com uma vitória carimba passaporte para a Divisão Especial de 2010 e volta pela porta da frente a elite catarinense.

Quando começou o campeonato fiz aqui uma critica que esperava que não fosse este apenas um projeto político. A política esteve e está presente em nosso futsal e isso é inegável, mas dentro de quadra a equipe está dando sua resposta e vai sim conseguir voltar ao lugar de onde jamais deveria ter saído.

Com as dificuldades de um orçamento apertado e um campeonato que vergonhosamente parou por três meses os comandados de Agnaldo Pereira estão mostrando raça e qualidade. Ao presidente Diógenes Lang o reconhecimento aos objetivos alcançados. Na hora da critica a critica, na hora de elogiar é preponderante reconhecer a virtude daqueles que lutaram por um projeto e chegaram lá. A modalidade superou expectativas e merece aplausos. A Rádio Chapecó AM transmite o jogo hoje à noite.    

Feliz Natal!

Coluna Fernando Doesse. Final de semana.

sábado, dezembro 19th, 2009

Ele voltou

O ala direito João Rodrigo chegou a Chapecó para ser a solução da posição na Chapecoense. Jogador de qualidade teve sua contratação anunciada e comemorada. No outro dia recebeu uma proposta do interior paulista e se mandou de mala e cuia. Deu com a cara na porta e agora está de volta. Devido à dificuldade em encontrar peças para a posição e também pela qualidade do atleta a Chapecoense retomou as negociações e fecha contrato na segunda-feira.

Boa contratação sem dúvida, só que parece ser um daqueles que não cria limo e na primeira proposta mais tentadora bate assas. Jogando bem é a conta.

Grande evento

A 4ª Taça Brasil do Genoma Colorado está movimentando Chapecó. Mais de 700 atletas da base colorada estão disputando este certame que como é denominado o projeto representa o embrião de futuras conquistas. A abertura foi ontem à noite no ginásio Ivo Silveira e tive a felicidade de atuar como mestre de cerimônia a convite do Consulado Inter Chapecó. O poder público municipal e estadual são apoiadores da iniciativa.

O Internacional não por acaso é uma fábrica de craques e exporta talentos há muitos anos. É revigoraste ver o futebol sendo tratado com o carinho e o profissionalismo que ele merece. Teremos muitos jogos neste final de semana na UNOESC e na Água Amarela. Não será cobrado ingresso.

 A paisagem muda

 Teremos um grande Campeonato Catarinense em 2010. Não tenho dividas. Mas algumas promessas podem decepcionar. O Juventus pintava como uma promessa renovadora dentro do nosso futebol depois de firmar parceria com o craque das quadras, Falcão. Pois ele abandonou o projeto para cuidar de seus compromissos particulares. O Imbituba vem aos pedaços depois de ter feito uma brilhante segunda divisão. O Criciúma segue enredado em seus conflitos internos, mas virá forte. A paisagem vai mudando, as contratações acontecendo e a foto tomando forma. Teremos um Avai remodelado e sendo o carro chefe do nosso futebol. O Figueirense está organizando a casa. O Metropolitano quer algo mais. Só para citar alguns. O titulo do Campeonato Catarinense ganha valor sob este aspecto.   

Perguntei

 Na manhã de sexta-feira tivemos uma entrevista coletiva com o prefeito de Chapecó. João Rodrigues, versando sobre os mais variados temas. Coube a este cronista perguntar sobre esporte. Uma das perguntas era sobre a Arena Condá e a nova ala quando ela deverá ser entregue. Disse o prefeito mais uma vez que estará à disposição do torcedor no primeiro jogo da Chapecoense na Copa do Brasil frente ao Brasiliense no dia 24 de fevereiro.

Olhando o local como está agora bate uma divida.

Tomara tenhamos esta data sendo respeitada.

Pronta teremos o tira teima e a reposta para a pergunta: – Erram na primeira etapa da Arena. São Tomé aguarda.

Coluna Fernando Doesse. 18.12.09.

sexta-feira, dezembro 18th, 2009

Tsunami Colorado

Assim está sendo denominada a 4ª Taça Brasil Genoma Colorado que estará sendo realizada em Chapecó neste final de semana. Mais de 600 atletas que vem de SC, RS, PR, SP, GO e MT e mais o DF.

O Internacional mostra desta forma sua capacidade fantástica em investimento nas categorias de base. Na verdade o Genoma Colorado é a primeira fase de uma possível carreira em que o Internacional empresta o nome para que as cidades se estruturem em escolhinhas e possam garimpar talentos. Como existe Colorado espalhado por todo o Brasil o projeto fica facilitado.

Os jogos serão realizados na Água Amarela e na UNOESC. O Consulado Inter Chapecó está mobilizado há meses para organizar este evento. Com certeza será sucesso. A abertura é hoje à noite no ginásio Ivo Silveira às 20 horas.

 Comparando

 E a escolinha da Chapecoense? Porque não se consegue montar aqui uma estrutura para as crianças? Existe um embrião para que algo semelhante possa acontecer, mas nos últimos meses o assunto esfriou. Nenhum clube de futebol cresce sem investir na base. É preciso estimular as crianças a pratica do futebol e evitar que talentos nascidos aqui sejam dados de graças para clubes com estruturas profissionais.

Um ídolo como Nivaldo, que se aproxima da aposentadoria em campo, poderia perfeitamente começar a pensar nesta possibilidade.

 Papai Noel verde

 Muita gente anda atrás da camiseta modelo 2010 da Chapecoense para presentear neste Natal, mas nada do regalo aparecer nas lojas. Na verdade a Chapecoense ainda está 100% fechada com os patrocinadores para a próxima temporada e isso acaba inviabilizando a confecção. Certo mesmo é que teremos a mudança de fornecedor, saindo a Kappa e voltando a Umbro.

Mas no site da Chapecoense você pode adquirir as camisetas retro em homenagem às conquistas passadas que além de bonitas estão à disposição a preços bem interessantes. Fica a dica.

Badé de molho

 O Ala Badé ainda não recebeu alta médica para acompanhar a Chapecoense nos amistosos e por isso está em Chapecó. Com a chegada do final de ano Badé deve entrar 2010 muito longe de sua forma ideal e terá de receber atenção especial para encontrar seu melhor condicionamento o mais rápido possível. Trata-se de um problema que deve estar amargurando o técnico Mauro Ovelha. O mesmo vale para Basílio e William Amaral que estão na mesma condição. Ou seja, a Chapecoense que está no RS tem três titulares certos fora do time.

 Assinatura

 Hoje a Federação Catarinense de Futebol, a Associação de Clubes e o Ministério Público assinam uma série de medidas destinadas a aumentar a segurança nos estádios catarinense. Uma delas proíbe a venda de cerveja nos estádios no Campeonato Catarinense.

O hábito de ir ao estádio, assistir o jogo e beber aquela gelada está acabado. Outros tempos.

Coluna Fernando Doesse. 15.12.09.

terça-feira, dezembro 15th, 2009

O gramado e a paz 

A Caminhada da Paz foi uma bela manifestação. Quando as pessoas se reúnem em nome da paz ela reina. Por pouco tempo às vezes, mas ela reina. Desnecessária foi à utilização do gramado da Arena para o ato final. Tantos lugares para esta reunião. O estacionamento do centro de eventos, por exemplo. Todo asfaltado, iluminado, perfeito!

Na hora de avaliar este tipo de evento falta para alguns bom o senso. Na ânsia de alcançar visibilidade o tropeço acontece. Gramado de estádio de futebol é para jogar futebol e nada mais. Ainda mais quando ele está em péssimas condições a um mês do inicio de uma competição oficial.    
 

Arena torta 

Está bombando no Gol da Chape um texto que descreve que a face sul da Arena está torta.

Um detalhe que me chama a atenção é que o acesso dos torcedores ficou bem abaixo do nível da Rua Clevelândia e que na parte interna ficou bastante alto o que acaba por prejudicar a visão de alguns torcedores. 

Houve erros e não adianta negar. O que está feito está feito. Importante é não errar na ala norte que está começando. Bom lembrar que na ala sul teremos a sede do PROCON. Vai dar muita noticia ainda.   

Merisio e a grana 

Prometeu R$ 500 mil e já entregou antecipadamente R$ 200 mil. O deputado estadual Gelson Merisio (DEM) prometeu e está cumprindo sua parte. Este dinheiro chega aos 40 minutos do segundo tempo para a Chapecoense contratar um meia de ligação e um ala pela direita. Só entra no mercado agora quem está com dinheiro, caso contrário pega só a sobra da xepa. É preciso rapidez. O mercado já está mapeado.  
 

Nei reclama 

O presidente da Chapecoense, Nei Maidana, reclamou ontem do baixo número de sócios. Apenas 2,5 mil. Pouco mesmo! Para fazer subir este numero apenas com uma maquina de time dentro de campo e com vitórias convincentes. De nada adianta o marketing sair correndo pela rua em busca de sócios se a equipe for meia boca e não responder positivamente. Outra solução é majorar o preço dos ingressos e forçar o torcedor a se associar. Mexeu no bolso a galera se mexe também. Pode parecer antipático, mas funciona que é uma beleza. 
 

Orçamento cresce 

A Chapecoense deve consumir no ano que vem cerca de R$ 4 milhões na temporada toda. Uma soma e tanto se levando em conta a história recente da Chapecoense. R$ 4 milhões é muito dinheiro em qualquer lugar do mundo.

Mas é assim mesmo. Futebol só se faz com muito dinheiro e competência na hora da aplicação. A Chapecoense está crescendo e tem metas e com as metas sendo alcançadas temos cada vez mais a necessidade de mais e mais dinheiro. Em uma Série B a escala de valores se multiplica e aí é terreno para profissionais. O caminho é este meus amigos. RS 4 milhões este ano. R$ 10 milhões para começar a conversa em 2011. A realidade é esta.  

Coluna Fernando Doesse. 14.12.09.

segunda-feira, dezembro 14th, 2009

Anuncio 

Na manhã de hoje o deputado estadual Gelson Merisio (DEM), reúne a imprensa para anunciar pareceres sobre liberação de verbas públicas para a Chapecoense nos exercícios 2009/2010. Para reunir a imprensa só pode ser noticia boa. Ninguém junta à imprensa para fazer contra propaganda. O deputado Merisio tem sido um grande parceiro da Chapecoense e merece todo o crédito pelo seu esforço.      

Preocupa 

Nada mais normal nesta época do ano cobrar da direção de futebol a contratação de bons jogadores. Nada mais natural também ver o torcedor angustiado com a falta de noticias sobre este tema. O problema é que a Chapecoense tem uma promessa grande de recursos para a próxima temporada, mas nada ainda está no caixa. Inclusive passagens para deslocamento de alguns atletas estão sendo pagas por diretores que estão adiantando dinheiro. A perspectiva é boa, porém a receita ainda está fora do cofre. É preciso equalizar este problema. 

O JEC vem que vem  

Um final de temporada animador para o Torcedor do Joinville. Duas conquistas, a vaga para a Série D e dinheiro em caixa. Não apenas na importância da camisa, mas agora também pela estrutura técnica o Joinville entrará forte no Campeonato Catarinense. A última conquista foi ontem pela manhã ao vencer a Recopa Sulbrasileira no interior de SP. De quebra levou R$ 30 mil de prêmio.     

Juventus

A promessa era de uma reestruturação completa no Juventus de Jaraguá do Sul com a presença de Falcão como apoiador e organizador do projeto. O acesso aconteceu, mas ao que consta Falcão retirou seu nome do projeto, ao menos momentaneamente, para focar em sua volta a seleção brasileira de futsal. Perde o Juventus.

Aliás, deveriam mexer urgentemente no gramado do estádio João Marcatto que está uma vergonha. Muito pior do que o da Arena. 

Calma minha gente 

Todos nós gostamos de elogios. Alguns na ânsia de agradar o prefeito João Rodrigues publicam notas que levam alguns a acreditar que a segunda fase da Arena estará  pronta no inicio do Campeonato Catarinense.

Calma minha gente! Se estiver de pé para o segundo semestre já está muito bom. O leitor precisa ser bem informado. É só passar no local da obra e ver.

Quando o prefeito anunciou a provável data de entrega da obra acabou deixando o entusiasmo tomar conta. A obra está sendo executada, mas está ainda em fase inicial.

O importante é que está  andando. Calma moçada, pois deste jeito João Rodrigues não poderá  tomar banho de piscina neste verão.